​Irrigação e nutrirrigação garantem maior produtividade e maior calibre dos frutos na cultura da maçã

Estudos realizados pela Embrapa Uva e Vinho de Vacaria/RS levam boas notícias para os produtores de maçã. Os bons resultados foram obtidos a partir de testes realizados por Dr. Gilmar Nachtigall, nos quais foram implantados a irrigação por gotejamento, resultando em frutos de maior calibre e coloração aos produtores brasileiros.

Iniciados na safra 2008/09, tais estudos foram responsáveis por identificar a diferença de resultados com o manejo alternativo. Os resultados positivos tanto em produtividade quanto em qualidade do fruto fizeram com que a pesquisa fosse aplicada consecutivamente entre as safras de 2011 e 2014, todas elas com resultados motivadores.

Quando a tecnologia de fertirrigação – que leva água e nutrientes diretamente na raiz da planta – é aplicada desde a implantação do pomar, garante melhores condições para o início da produção de frutos. Características como um maior número de ramos e altura podem facilmente ser identificadas quando comparamos ao manejo convencional. Segundo Nachtigall, em pomares novos, o aumento de ramos na Gala foi de 124% e na Fuji passou dos 900%. Isso resulta em uma melhor arquitetura de planta e consequentemente em maiores produtividades.

Além das vantagens visíveis que a irrigação por gotejamento traz ao pomar, o produtor sente a mudança também no bolso. Ao investir na tecnologia, ele também investe em sustentabilidade. O sistema de irrigação por gotejo direto na raiz da planta é 95% mais eficiente, sendo assim, economiza água e os nutrientes aplicados na cultura.

O sucesso do experimento já está ao alcance do produtor rural. Como consequência dos excelentes resultados apresentados pela Embrapa, a tecnologia já se difundiu em pomares do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

A nutrirrigação é um ponto chave para o rendimento da safra, principalmente durante a florada e no desenvolvimento do fruto. A tecnologia garante uma maior produtividade com um maior calibre e coloração, além de antecipar e aumentar a primeira safra do pomar. Produzir mais com menos é a prioridade da israelense Netafim no compromisso para uma agricultura mais sustentável.

ver mais artigos

Por Cristiano Jannuzzi, Gerente Agronômico da Netafim