NOTÍCIAS

Aproximadamente 150 municípios baianos têm estado de emergência por causa da seca

  • 11/09/2015 |
  • Karina Brasil
Com uma das piores estiagens dos últimos 50 anos, a Bahia ainda sofre com o reflexo da seca. Atualmente, 147 municípios estão em estado de emergência, reconhecido pelo Governo Federal, através do Ministério da Integração Nacional, em lista atualizada no último dia 31 de agosto. A seca dos últimos anos provocou a morte de milhões de animais e ainda desestruturou o setor agropecuária da Bahia.

"Essa é uma realidade nacional. O Nordeste de todo país ainda está sofrendo com os prejuízos da seca e está, aos poucos, retomando suas atividades", ressalta João Martins, presidente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e da Federação da Agricultura e Pecuária da Bahia (FAEB). Para debater a produtividade da região semiárida, Salvador vai sediar nos dias 14 e 15 de setembro o Agropec Semiárido que, pela primeira vez, acontece juntamente o IV Congresso Brasileiro de Palma e Outras Cactáceas.

"Esse evento é tão importante e está sendo tão aguardado que as inscrições se esgotaram quase um mês antes do previsto. Mais de 1700 pessoas de todo o Brasil garantiram vaga antecipadamente", ressalta Mário Borba, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Paraíba e coordenador geral do evento.
O Agropec Semiárido vai reunir os maiores especialistas e técnicos do país sobre o assunto, apresentando o que de mais atual existe no mundo sobre tecnologias de produção utilizadas em regiões semiáridas. Ainda acontecerão palestras com grandes nomes do cenário nacional, como a ministra da Agricultura, Kátia Abreu, e o presidente da Embrapa, Maurício Lopes.

Todas essas palestras vão ser disponibilizadas no site oficial do evento: www.agropecsemiarido.com.br ver mais notícias