NOTÍCIAS

Aumento de produtividade a partir do manejo correto de fungicidas

  • 16/11/2017 |
  • Patricia Mitsumoto

Cerca de 70% do arroz consumido no Brasil é produzido no Rio Grande do Sul. E, de acordo com o Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), na safra 16/17 foram colhidas cerca de 8,3 milhões de toneladas do cereal. Por ser considerado um polo importante para esse tipo de cultura, a Bayer encabeça no Rio Grange do Sul a Blitz Nativo, com objetivo de conscientizar os agricultores sobre o manejo correto do fungicida para combater doenças nos arrozais gaúchos.

Segundo Eduardo Goulart, agrônomo de Desenvolvimento de Mercado da Bayer, a iniciativa tem como foco apresentar soluções inovadoras para aumentar a produtividade e, assim, alcançar o máximo potencial das lavouras. "É importante mostrar aos agricultores como o uso correto de fungicida e a preservação de uma nova variedade auxilia no crescimento da lavoura e no impacto econômico, podendo aumentar a produtividade em até 20%", destaca.

Segundo Rodrigo Schoenfeld, gerente da Divisão de Pesquisas do Irga, a variedade de arroz desenvolvida pelo IRGA, a 424RI, é a mais plantada na região, com 54% de participação no mercado. "O Irga, junto com a Bayer, acelera o processo de gerar informação a fim de chegar mais rápido ao produtor, sempre lembrando que ele precisa ter em mente as principais ferramentas disponíveis para ter um melhor resultado na lavoura", informa.

O Brasil é um grande consumidor do cultivo, dados da Agência Embrapa de Informação Tecnológica mostram que o consumo gira em torno de 45kg ao ano. Com 800 hectares de arroz, o produtor Celso Bartz da fazenda Granja Cariola, na região de Camaquã (RS), produz em média 170 sacas por hectares e relata a importância da aplicação correta de fungicidas: "Essa prática me oferece um retorno que espero em termos de proteção da planta, de forma produtiva, além de se tratar de um manejo fácil, já que normalmente são necessárias apenas duas passadas do produto durante a safra, no intervalo de 15 dias".

A ação irá mostrar aos agricultores o momento correto para aplicação do fungicida e como isso auxilia no combate das doenças no cultivo do arroz, informando sobre as tecnologias e cuidados para produzir mais e melhor.

Blitz Nativo – A programação do evento também conta com a seguinte solução proposta pela empresa: o fungicida Nativo. "Nos últimos ensaios do uso deste fungicida, houve um ganho de 13 a 15 sacas", ressalta Schoenfeld. Para os produtores que estiverem interessados em conhecer mais sobre a solução, a Blitz vai passar, em novembro, pelas seguintes cidades: Capivari do Sul (16/11), Camaquã (20/11), Santa Vitoria do Palmar (21/11), Uruguaiana (22/11), Jaguarão (22/11) e Itaqui (23/11).

Goulart também destaca que o Nativo é um fungicida com forte ação preventiva e residual indicado para as culturas do arroz, tendo ação no complexo de manchas e brusone. "Entregamos, controle superior e um diferencial de registro em doenças de final de ciclo", conclui.

ver mais notícias