NOTÍCIAS

Com umidade, produtores de tabaco devem atentar para a colheita segura

  • 18/11/2015 |
  • Eliana Stülp Kroth

Uso da vestimenta de colheita é fundamental na lavoura com umidade

A colheita da safra 2015/16 começou com excesso de chuvas nas lavouras e as previsões pluviométricas apontam que o período de instabilidade deverá se estender pelas próximas semanas. Como os casos de Doença da Folha Verde do Tabaco ocorrem quando há contato de folhas úmidas com a pele dos agricultores, os cuidados devem ser aumentados. Se não for possível programar o trabalho na lavoura para dias secos, é imprescindível intensificar o uso da vestimenta de colheita para o manuseio do tabaco, bem como chapéu e calçados fechados, preferencialmente botas.

Ao usar a vestimenta, o produtor evita o contato direto com o tabaco úmido, prevenindo a exposição à nicotina e a uma possível intoxicação. Dependendo da quantidade de nicotina absorvida, o trabalhador pode sentir náuseas, dores abdominais e tonturas e ter vômitos, bem como flutuações na pressão arterial e na frequência cardíaca. Em caso de aparecimento dos sintomas, o produtor deve interromper a atividade, manter-se hidratado, tomar banho e trocar de roupas. Se o mal-estar permanecer, a orientação é buscar atendimento médico.

A vestimenta de colheita é impermeável, porém leve, e foi desenvolvida em pesquisa que envolveu especialistas em segurança no trabalho e produtores de tabaco. Segundo o presidente do Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco (SindiTabaco), Iro Schünke, os investimentos foram feitos tendo como prioridade preservar a saúde dos produtores integrados. "Estudos especializados comprovaram a eficácia da proteção, com redução em 98% da exposição dérmica, tornando a alternativa altamente eficiente no controle do problema", explica Schünke.

Orientações:

• Evitar a colheita de folhas de tabaco molhadas por orvalho ou chuva.

• Usar a vestimenta de colheita sempre que houver a necessidade de manusear tabaco verde úmido, para evitar o contato da pele com as folhas.

• Além da colheita, também é importante usar a vestimenta em outras etapas como o desponte, recolhimento do tabaco da lavoura e carregamento das estufas e galpões de cura.

ver mais notícias