NOTÍCIAS

Comitiva do Mapa conhece trabalho da pesquisa com café robusta em Rondônia

  • 13/11/2017 |
  • Robinson Cipriano ​

Maggi avalia produtividade do café robusta em propriedade de Rondônia - Foto: MAPA

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi, acompanhado do presidente da Embrapa, Mauricio Lopes, e de técnicos da pasta, passou a manhã desta sexta-feira, dia 10 de novembro, avaliando os impactos da pesquisa agropecuária realizada em Rondônia com os cafés conilon e robusta. A comitiva foi composta também por senadores e deputados, autoridades locais, além de representantes da cadeira produtiva cafeeira.

Em visita à Fazenda Café Paulista, em Alta Floresta D’Oeste (RO), conheceu de perto a lavoura de café Robusta  do produtor rural Reinaldo Caffet. "Estou impressionado. Aqui estão colhendo 190 sacas de café por hectare, gerando uma renda de 270 mil reais por ano, fato impossível de ser alcançado até pouco tempo. Com as tecnologias da Embrapa, Rondônia já se tornou o segundo produtor nacional de café robusta. E vai ser o primeiro se os produtores continuarem investindo assim em tecnologia", afirmou Maggi. Alta Floresta D'Oeste é um dos principais municípios produtores de café do Estado. Em Rolim de Moura, a comitiva visitou também outra experiência com robusta, também em propriedades rurais familiares.

"Ficamos todos surpresos com a força da cafeicultura em Rondônia", confirmou Mauricio Lopes. "Presente em quase todos os municípios, o café é uma das principais atividades agrícolas no Estado, fonte de renda para mais de 22 mil produtores. A Embrapa Rondônia e parceiros, com apoio do Consórcio Pesquisa Café, coordenado pela Embrapa Café, tem dado grande contribuição à Rondônia, gerando conhecimentos e tecnologias para ampliação dos índices de produção, de produtividade e de qualidade dos cafés da região", concluiu.

Clique aqui para ver fotos da visita da comitiva do Mapa em Rondônia.


ver mais notícias