NOTÍCIAS

Embrapa apresenta alternativas de forragem na Expoagro Afubra

  • 24/03/2016 |
  • Joseani Mesquita Antunes

A Embrapa participa da Expoagro Afubra, que ocorre em Rio Pardo, RS, de 21 a 23 de março. Junto com outras Unidades da empresa, a Embrapa Trigo e a Embrapa Produtos e Mercado apresentam alternativas para a diversificação da agricultura familiar, com opções forrageiras desenvolvidas para sistemas de Integração Lavoura-pecuária-floresta. A conservaç ão de solo também será tema apresentado em conjunto com a Emater/RS.

Tecnologias para inverno e verão

A produção agropecuária na Região Sul depende de opções de pastagens capazes de fornecer alimento ao gado durante o ano todo. Períodos de vazio forrageiro podem ser minimizados com o planejamento forrageiro, capaz de assegurar pasto de qualidade no campo e alimento conservado em forma de feno e silagem. De acordo com o pesquisador Renato Fontaneli, a Embrapa disponibiliza uma grande oferta de tecnologias para o produtor de carne e leite no Rio Grande do Sul. São cultivares de cereais de inverno e verão, utilizadas como duplo propósito (grãos e pasto), ou armazenado em forma de silagem ou feno.

As opções da Embrapa Trigo apresentadas na Expoagro Afubra são BRS Tarumã (trigo) e BRS Serrano (centeio). Cereais de inverno que podem ser utilizados com o duplo propósito, servindo tanto ao forrageamento animal quanto à produção de grãos. Como principais vantagens dos cereais duplo propósito estão: cobertura de solo, produção antecipada de forragem no outono, maior produção de grãos do rebrote, menor acamamento, maior palatabilidade, menor perda por geada, silagem com mais grãos.

As cultivares de verão adaptadas à Região Sul foram desenvolvidas pela Embrapa Milho e Sorgo, que apresenta alternativas de sorgo para grão (BRS 332), forragem (BRS 810) e silagem (BRS 655). De acordo com a pesquisadora Jane Machado, o destaque é a cultivar BRS 810, um híbrido de sorgo de corte e pastejo que cresce rapidamente e, com aproximadamente 30 a 40 dias já fornece um pasto de alta qualidade. Este híbrido incorpora a característica BMR que confere menor teor de lignina, possibilitando melhor digestibilidade e melhor conversão alimentar, resultando em maior produção de carne e leite. Esta característica pode ser reconhecida pela presença de uma pigmentação amarronzada na nervura das folhas e na medula do caule. Ainda é apresentado o milheto BRS 1503 como opção de forragem para o verão.

Agricultura conservacionista e disponibilidade de água

Na demonstração de tecnologias, técnicos da Embrapa Trigo e da Emater/RS apresentam o simulador de chuvas, equipamento de caráter didático que permite visualizar o efeito da enxurrada em solo coberto com palha e a comparação com o solo em pousio. "O objetivo é conscientizar para o manejo conservacionista do solo nas lavouras produtoras de grãos da região", explica o analista da Embrapa Trigo Jorge Lemainski.

"O objetivo da apresentação é mostrar que no plantio direto, a palha sozinha não é capaz de conter a erosão do solo. A palha ajuda a dissipar a energia da gota da chuva, mas não é eficiente para fazer com que a água infiltre no solo. Ainda, a semeadura morro acima/morro abaixo orienta o fluxo da enxurrada para o sulco da semeadura, aumentando a erosão e o arraste de nutrientes", explica o analista.

ver mais notícias