NOTÍCIAS

Empresa desenvolve variedades de cebolas que se adaptam às diversas regiões produtoras do Brasil

Cebola híbrida Andromeda

Sementes desenvolvidas com alta tecnologia colaboraram para produzir em 2014 cerca de 1650 toneladas de cebola no Brasil, de acordo com dados do IBGE. As várias safras, em diferentes estados, são responsáveis por suprirem as necessidades de consumo ao longo do ano. A cebola é um dos principais produtos agrícolas cultivados no país e somente a Topseed Premium, linha profissional da Agristar do Brasil e líder na comercialização de sementes, possui em seu portfólio 11 híbridos totalmente adaptados para o cultivo em diferentes condições climáticas e de solo das principais áreas de cultivo país.

O calendário mensal de oferta de cebola é extremamente favorável em termos de distribuição de safras e, normalmente, permite ao mercado operar com relativa calma. Mas a produção interna ainda mostra algumas oscilações, alternando excessos de oferta com períodos de escassez do produto, cenários que costumam estar relacionados a fatores climáticos, disponibilidade de sementes e preços recebidos pelos produtores. Por isso, as unidades da Agristar localizadas nos estados de SP, MG, SC e RN realizam pesquisas buscando introduzir no mercado materiais que atendam as exigências tanto dos produtores quanto dos consumidores.

“Cada híbrido é posicionado para suportar melhor as condições climáticas e atingir excelentes níveis de produtividade, oferecendo ao mercado um produto de excelente qualidade", explica o Especialista de Bulbos e Raízes, Samuel Sant'Anna.

“A Topseed Premium possui a mais completa linha de cebolas, são as variedades híbridas Aquarius, Soberana, Andrômeda, Perfecta, Sirius, Optima, Fernanda, Lucinda, Serena, Bucaneer e Predileta, adaptadas de Norte a Sul do Brasil, atingindo todos os territórios, com um posicionamento técnico para cada material, visando explorar o máximo potencial genético em busca de produtividade com qualidade, em todas as estações do ano“, explica o Gerente Comercial da Topseed Premium, Rafael de Morais

Segundo Sant'Anna, as cebolas híbridas se adaptam às diversas regiões de cultivo no Brasil, possuem melhor tolerância às doenças, e o mais importante, são muito mais produtivas que as variedades convencionais OP. “Enquanto a média de produtividade dos materiais convencionais é de 20 a 30 ton/ha, a das híbridas podem chegar entre 60 até 120 ton/há. As cebolas híbridas são uma alternativa para a produção com qualidade e lucratividade, pois trazem como vantagens ao agricultor: alta produtividade, melhor uniformidade, rendimento e acabamento de bulbos", explica.

ver mais notícias