NOTÍCIAS

Incra atesta produtividade da Fazenda Figueira

  • 06/10/2015 |
  • Caio Albuquerque
O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) – Superintendência Regional do Paraná comunicou ontem, 05/10, via Ofício Incra/SR-09 PR/nº4.646/2.015, que a Fazenda Figueira, localizada em Londrina (PR), foi classificada no Sistema Nacional de Cadastro Rural como “Grande Propriedade Produtiva”.

Desde 2.000, a propriedade é gerenciada pela Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (Fealq), com suporte técnico do Departamento de Zootecnia da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (USP/ESALQ) e, em agosto de 2015, foi invadida por integrantes do Movimento Sem Terra (MST).

A partir da expedição do documento, o MST tem até 3 dias para desocupar a fazenda, ação já iniciada ontem, segundo o Diretor Presidente da Fealq, Wilson Roberto Soares Mattos. “Conversei com funcionários da fazenda, que relataram que os integrantes do Movimento Sem Terra começaram a desocupar as terras ontem mesmo; agora, faremos uma avaliação dos danos, mas me parece que nada de mais preocupante ocorreu com o patrimônio da fazenda”.

De acordo com o Presidente do Conselho Curador da Fealq, Rubens Angulo Filho, um Termo de Ajuste de Conduta assinado pelo Incra, Fealq e MST, previa a saída dos membros do MST. “Esperamos que até dia 8 tenham todos saído, para que na semana que vem a fazenda volte a sua normalidade técnica e de pesquisa”.

Fazenda Figueira
Ao falecer, em janeiro de 2000, o engenheiro agrônomo Alexandre Von Pritzelwitz deixou em testamento, para a Fealq, uma propriedade agrícola, com a determinação de que fosse administrada pela Fundação sob orientação técnica de professores do Departamento de Zootecnia da ESALQ, mantivesse a pecuária de corte como atividade principal e se criasse uma estação agrozootécnica com o nome de sua progenitora, Hildegard Georgina Von Pritzelwitz. Uma Comissão Técnica, indicada pelo Departamento de Zootecnia, está encarregada do desenvolvimento da fazenda com o objetivo de torná-la produtiva e auto sustentável. Uma Comissão Científica, indicada pela Fealq, analisa e aprova os projetos de pesquisa a serem desenvolvidos na Estação Experimental. Em 2012, a Fazenda Figueira foi considerada modelo nacional no rally da pecuária. ver mais notícias