NOTÍCIAS

Kátia Abreu participa nesta quarta de reunião com 34 ministros das Américas

  • 21/10/2015 |
  • Priscilla Mendes
A ministra Kátia Abreu participou na noite da última terça-feira (20/10), na cidade mexicana de Playa del Carmen, da abertura oficial do Encontro de Ministros da Agricultura das Américas 2015, que reúne representantes de 34 países das Américas do Sul, Central e Norte. A solenidade teve presença do presidente do México, Peña Nieto, que destacou a importância de os países buscarem maior produtividade e sustentabilidade no campo.

A reunião, promovida pelo governo do México e pelo Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), tem como lema “Cultivar melhor, produzir mais, alimentar a todos”.

Na manhã desta quarta-feira (21/10), a ministra Kátia Abreu participa da reunião da Junta Interamericana de Agricultura (JIA) – formada pelos ministros dos 34 países membros, ela é o principal órgão de governo do instituto. As autoridades vão discutir propostas que permitam fortalecer a agricultura regional em um contexto de grandes desafios para o setor, como o de alimentar uma população mundial crescente e de forma sustentável.

A JIA deverá produzir e aprovar uma declaração conjunta com o objetivo de impulsionar ações coletivas a favor da produtividade, da sustentabilidade e da inclusão no campo. O documento será apresentado à Organização dos Estados Americanos (OEA).

Produtividade

Na última terça-feira, durante abertura oficial do encontro, o presidente do México afirmou que a agricultura nos países americanos é marcada por “profundos contrastes” e apontou que o aumento da produtividade é o “melhor caminho”.

“São poucos os grandes produtores com acesso a crédito, tecnologia e insumos que competem com êxito nos mercados internacionais. Ao mesmo tempo, há uma grande quantidade de pequenos produtores que basicamente dirigem sua produção para o autoconsumo. Se existe essa disparidade e se devemos respaldar cada grupo de produtores de forma diferente, o denominador comum é que ambos precisam de políticas públicas a favor da produtividade”, discursou Peña Nieto. ver mais notícias