NOTÍCIAS

Novos supervisores vão reforçar time da Aprosoja no campo

  • 18/02/2016 |
  • Ascom Aprosoja

Mato Grosso é um estado de dimensões continentais e o principal produtor de soja e milho do País. São mais de cinco mil produtores rurais associados à Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja) e, para atendê-los a campo, a entidade conta com o trabalho dos supervisores de projetos.

“São profissionais formados em Agronomia ou Engenharia Florestal que trabalham no interior do Estado atendendo o produtor rural, ouvindo as demandas e levando projetos e informações da Aprosoja”, explica Cid Sanches, gerente de Planejamento da associação.

Para Susiane Azevedo, supervisora na região Sul, o cargo é importante dentro da estrutura da associação porque é um elo de ligação entre o produtor rural e a Aprosoja. “Além de orientar os agricultores e ouvir as necessidades deles, também temos participações em eventos no interior palestras e apoio logístico”, afirma.

Os supervisores atuam diretamente nos programas Soja Plus e Referência, além dos projetos técnicos, como o Circuito Tecnológico (etapas soja e milho), o Circuito Aprosoja e os grupos de discussão. Um exemplo deste trabalho ocorreu na semana que 10 a 12 de fevereiro, quando todos os supervisores realizaram um levantamento de safra. Eles foram para as lavouras verificar as condições da soja e enviar as informações para a gerência de Planejamento. “A partir disto, poderemos orientar a diretoria para a tomada de decisões estratégicas”, explica Cid Sanches.

“Lá no interior temos que ter noção de todos os trabalhos que são executados na sede em Cuiabá para auxiliar o produtor. Somos todos os departamentos em uma só pessoa”, diz o supervisor Eliandro Zaffari, responsável pela região Norte. “Tudo que sai daqui (sede) e o que vem de lá (interior) passa por nós”, acrescenta Murillo Moreira, supervisor na região Sul.

A nova supervisora Nathaly Ravenne de Freitas Baptistão, que reforçará a equipe da região Leste junto com Letícia Laabs da Rosa, tem expectativa positiva em relação ao trabalho a campo. “Quis vir para a Aprosoja pelo nível da instituição e a imagem que ela tem no Estado. Espero fazer um bom trabalho no contato direto com o produtor rural”, afirma.

Outro supervisor, Rafael Vinicius Pereira dos Santos, também ressalta a transparência e idoneidade da associação como fator para buscar a vaga de trabalho. Isso reforça ainda mais a importância do trabalho do supervisor junto ao público-alvo da Aprosoja. “Somos a imagem da associação junto ao agricultor, precisamos fazer um bom trabalho”, finaliza a supervisora Susiane Azevedo.

ver mais notícias