NOTÍCIAS

Professores e pesquisadores da Iniciativa 2,4-D debatem manejo integrado de plantas daninhas no Show Safra BR 163

A Iniciativa 2,4-D, grupo formado pelas empresas Atanor, Dow AgroSciences e Nufarm, para gerar informação técnica sobre o uso correto e seguro de defensivos agrícolas, será um dos destaques na programação deste ano do Show Safra BR 163, que será realizado de 29 de março a 1 de abril, em Lucas do Rio Verde (MT). O trio de especialistas formado pelos professores Mauro Rizzardi, Ulisses Rocha Antuniassi e Rubem Silvério de Oliveira Junior debaterá o tema “Manejo Integrado de Plantas Daninhas” numa mesa redonda que acontecerá no dia 30, a partir das 9h30 no auditório.

Mauro Rizzardi é professor Doutor da Universidade de Passo Fundo (RS), Rubem Silvério atua na Universidade Estadual de Maringá (PR), e Ulisses Rocha Antuniassi ministra aulas na Universidade Estadual Paulista (UNESP), no Campus de Botucatu. Eles e outros especialistas parceiros da Iniciativa 2,4-D têm viajado por todo o país com o objetivo de realizar treinamentos e levar aos produtores rurais dicas e práticas que auxiliem no manejo da resistência em plantas como a Buva e o Leiteiro, capazes de prejudicar e impactar na produtividade das lavouras.

Rizzardi afirma que o tema da mesa redonda é uma das maiores preocupações dos produtores rurais atualmente. “Ao usar repetidamente apenas um mesmo princípio ativo na lavoura o agricultor tem contribuído para a introdução de plantas daninhas resistentes, o que dificulta o manejo e o controle”, explica.

O professor Silvério lembra que a falta de controle adequado das plantas daninhas pode acarretar em prejuízos equivalentes a 40% do potencial cultivado. “Uma planta de buva por m² reduz em até 12% a produtividade – ou seja, 6 sacos por hectare, o que equivale a uma perda de R$ 360”, diz.

Já Antuniassi ressalta que a tecnologia de aplicação dos herbicidas também tem papel fundamental no controle eficiente de plantas daninhas. “Para garantir que o alvo desejado seja atingido, no caso as plantas daninhas, é necessário observar itens como pressão de pulverização, tipo de ponta, tamanho da gota e condições climáticas, sempre de acordo com o produto que será aplicado”.

Serviço:

Show Safra BR 163

Mesa Redonda: “Manejo Integrado de Plantas Daninhas”

Data: 30/03.

Horário: das 9h30 às 12h.

Site do evento: www.fundacaorioverde.com.br

ver mais notícias