Força sem desgaste

Um dos grandes avanços na tecnologia de combustíveis foi à colocação no mercado do óleo diesel aditivado. As vantagens de sua utilização são muitas conforme explicações a seguir.

Um ponto bastante importante para que se tenha um rendimento máximo quando da utilização do óleo diesel aditivado é que seu consumo seja contínuo. De nada adianta fazer uso dele alternadamente com o óleo diesel comum. É gastar dinheiro à toa. Outro cuidado bastante importante é efetuar as três primeiras trocas dos filtros de combustível, após se começar a usar o óleo diesel aditivado, com a metade do tempo prescrito pelo fabricante do motor. Isto se deve ao fato do óleo diesel aditivado ter componentes detergentes-dispersantes em sua composição o que poderia ocasionar uma limpeza tanto no sistema de combustível do motor como nos tanques de armazenagem do óleo diesel, levando a uma obstrução precoce dos filtros de combustível. Passado este período, a periodicidade da troca de filtros de combustível passa ser a recomendada pelo fabricante do motor.

Com a evolução tecnológica dos motores diesel, principalmente devido à incorporação de componentes eletrônicos aos sistemas de injeção, verificou-se que o diesel convencional vinha apresentando alguns problemas tais como: a obstrução precoce dos bicos injetores; corrosão nos bicos e elementos da bomba injetora; freqüentes necessidades de regulagem nos sistemas de injeção comandados convencional e eletronicamente etc. Face a isto, a Petrobras desenvolveu o Extra Diesel Aditivado. Isto se deveu, em parte, à necessidade de um produto que tivesse maior estabilidade química a fim de suportar as elevadas temperaturas dos modernos sistemas de injeção.

É possível perceber que o óleo diesel aditivado possui uma estabilidade muito maior que o diesel comum suportando, sem formar depósitos, as elevadas temperaturas existentes nos sistemas de injeção. O escurecimento do óleo diesel denota que o processo de oxidação do produto está ocorrendo.

A Petrobras, com o apoio do seu centro de pesquisa – Cenpes, efetuou teste de campo com 22 veículos, durante 18 meses, percorrendo 5.500.000 km para chegar à formulação ideal do Extra Diesel Aditivado.

Evite o desperdício e reduza os custos

A vantagem principal da utilização do óleo diesel aditivado, conforme veremos a seguir, é a manutenção dos bicos injetores desobstruídos por muito mais tempo e, como conseqüência, uma melhor atomização do óleo diesel com as vantagens conhecidas.

A ação detergente/dispersante do óleo diesel aditivado mantém limpo todo o sistema de alimentação de combustível. A perfeita pulverização do diesel garante uma combustão mais eficiente, produzindo máxima potência, sem desperdício de combustível e reduzindo o tempo e a freqüência das manutenções.

Veja no final do texto, em PDF, algumas fotos comparativas entre bicos injetores utilizando diesel comum e óleo diesel aditivado. Percebe-se que o injetor utilizando o óleo diesel comum encontra-se parcialmente obstruído o que provoca uma pulverização deficiente do combustível.

Vida útil do motor e tanques

A presença de compostos anticorrosivos no óleo diesel aditivado minimiza o desgaste por corrosão na presença de água oriunda da condensação da umidade relativa do ar, assim como da erosão provocada pelas partículas geradas pela corrosão. A bomba injetora, os bicos injetores, os tanques de combustível para armazenagem do óleo diesel e o tanque de combustível do veículo terão a sua vida útil prolongada.

Nas fotos, verificamos a diferença entre elemento e bico utilizando diesel comum e óleo diesel aditivado. Produtos anticorrosivos presentes no óleo diesel aditivado formam película protetora nas superfícies metálicas destas peças.

Reduz a tendência a formar emulsão

A ação desemulsificante do óleo diesel aditivado minimiza a geração de emulsão em presença de água (condensação da umidade do ar). A ocorrência de emulsão propicia a proliferação de microorganismos que intensificam o processo corrosivo e obstruem os filtros devido à formação de borras. O desemulsificante provoca a precipitação da água em suspensão no óleo diesel levando-as para o fundo do tanque. Daí a necessidade da drenagem freqüente das instalações de armazenamento de combustível.

Aumenta o intervalo de trocas de filtros

Como já foi dito anteriormente, o óleo diesel aditivado apresenta maior estabilidade, reduzindo a tendência de formação de depósitos nas temperaturas de operação de combustível.

A seguir, vemos uma comparação entre filtros utilizando óleo diesel comum e óleo diesel aditivado (mesmos intervalos de troca). A maior estabilidade do óleo diesel aditivado diminui, sensivelmente, a formação de produtos de oxidação (borras) provocados pelas elevadas temperaturas de operação dos sistemas de injeção.

Autonomia e rapidez no abastecimento

A presença de aditivo anti-espumante no óleo diesel aditivado reduz a formação de espuma no tanque de combustível, garantindo rápido e completo enchimento, sem riscos de transbordamento que é fonte de grande transtorno para os que lidam com óleo diesel, além de contaminar o solo nos locais dos postos de abastecimento.

Nas fotos a seguir percebemos que, em um mesmo intervalo de tempo, é possível colocar mais óleo diesel aditivado no tanque de combustível, em um mesmo período de tempo (considerando-se tanques de mesmo volume). Isto evita os transtornos de derramamentos e acelera o abastecimento para proprietários de frotas numerosas.

Redução de custos com combustível

Testes realizados pela petrobras em bancadas e frotas evidenciaram que o uso do óleo diesel aditivado proporciona economia de combustível em torno de 5 %, variando em função da idade da frota e dos cuidados com a manutenção.

Preservação do meio ambiente

O óleo diesel aditivado contribui, também, para melhorar a qualidade do ar reduzindo as emissões de nitrogênio até 10 %; de hidrocarbonetos até 20 %; de monóxido de carbono até 15 %; de particulados até 25 % no período de aquecimento do motor e até 15 % com o motor aquecido; fumaça (escala bosch) até 30 %.

Conclusão

Um ponto a se destacar, porém, é que todas as vantagens do óleo diesel aditivado não serão sentidas se não drenarmos regularmente a água dos tanques, se não utilizarmos um filtro-prensa para filtração do combustível e se não adquirirmos produto de fornecedores confiáveis.

Reiteramos que somente o uso continuado do óleo diesel aditivado garantirá uma limpeza eficiente do sistema de injeção, uma maior vida útil dos elementos e bicos injetores, um prolongamento da vida útil dos elementos filtrantes de combustível, uma maior rapidez no abastecimento de frotas numerosas e uma redução na emissão de poluentes gasosos.

Apesar dos avanços, as empresas de combustíveis continuam investindo na melhoria da qualidade dos combustíveis nacionais procurando proporcionar a seus clientes produtos que garantam melhor desempenho nos equipamentos que os utilizem.

Quanto custa?

Opreço do óleo diesel aditivado está em torno de 2% superior ao do óleo diesel comum. No estado do Mato Grosso, por exemplo, o óleo diesel comum custa R$ 1,442/l e o aditivado custa R$ 1,471/l ( preços médios ). Uma diferença de R$ 0,029 centavos por litro (2%). O custo de reparo de uma bomba injetora fica por volta de R$ 800,00 a R$ 1500,00 e o custo de um bico injetor fica por volta de R$ 180,00 (os motores diesel podem ter 4, 6 e até 8 bicos injetores).

Se pegarmos como exemplo um trator de 140 cv, com um tanque de 150 litros, a diferença na hora de encher o tanque é mínima. Se completar com diesel comum o valor será de R$ 216,30; com diesel aditivado R$ 220,65, uma diferença de R$ 4,35 em 150 litros. Se considerarmos um consumo médio de 9 litros por hora, o trator fará em média 17 horas de trabalho com um tanque. O custo adicional com diesel aditivado por hora trabalhada será de R$ 0,27 centavos. Isto é, com uma diferença de R$ 0,27 centavos por litro, para compensar a troca de bomba e bicos injetores, serão necesários aproximadamente 90 mil litros

O custo maior, no entanto, fica por conta do tempo que é perdido, no caso de uma peça quebrada, quando a máquina fica paralisada em épocas preciosas como plantio ou colheita. Por isso pode-se dizer que vale a pena usar um produto aditivado, já que a sua função principal é a conservação dos sistemas de injeção.

Marcos Thadeu G. Lobo,

Petrobras Distribuidora S/A

* Este artigo foi publicado na edição número 25 da revista Cultivar Máquinas, de novembro de 2003.

* Confira este artigo, com fotos e tabelas, em formato PDF. Basta clicar no link abaixo:

/arquivos/m25_forca.pdf ver mais artigos
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura