Eficácia otimizada

  • Página 22 |
  • Set 2019 |
  • Luís Antônio S. de Azevedo, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Instituto de Ciências Biológicas, Depto de Entomologia e Fitopatologia

Na batalha contra a ferrugem-asiática, principal pesadelo dos produtores, é preciso lançar mão de estratégias que auxiliem a melhorar a eficácia da aplicação de produtos fitossanitários. Neste sentido, o uso de adjuvantes agrícolas pode auxiliar em diversos aspectos, como facilitar as operações, aumentar a deposição das gotas na planta, prevenir deriva e reduzir o volume de calda com economia de água.

O sucesso da produção de soja no Brasil depende de medidas integradas no sistema de produção, com o objetivo de reduzir riscos, perdas e custos, para tornar a atividade viável e sustentável. Dentre os principais fatores que reduzem a produtividade agrícola de soja estão as doenças, com destaque para a ferrugem-asiática (Phakopsora pachyrizi) a mais severa delas, que ocorre em todo o território nacional, causando perdas que variam entre 10% e 90% na produtividade das lavouras. O controle químico da ferrugem-asiática da soja é o método mais utilizado para o manejo da doença. 

Seja assinante e leia a matéria na íntegra

Matérias da Edição:
  1. Página 14

    Agentes aliados

  2. Página 18

    Custo de tratar

  3. Página 30

    Alvos agrícolas

  4. Página 32

    Como controlar

  5. Página 38

    Alvo monitorado

  6. Página 41

    Futuro semeado

  7. Página 42

    Mofo disseminado

Edição Anterior
  • N 243

    Ago 2019

    Teste de fogo para fungicidas

Próxima Edição
  • N 245

    Out 2019

    Soma de esforços contra doenças em soja

CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura