NOTÍCIAS

70 mil agricultores treinados pelo programa do Aplique Bem

O programa já ultrapassou as fronteiras do Brasil e hoje é realizado com êxito na Colômbia, no México, no Vietnã, em Burkina Faso e na Costa do Marfim.

O Programa Aplique Bem, iniciativa do Instituto Agronômico (IAC) em parceria com a UPL, comemora 13 anos já tendo treinado mais de 70 mil produtores e funcionários de empresas agrícolas sobre a correta aplicação de defensivos agrícolas nos diferentes cultivos. O programa já ultrapassou as fronteiras do Brasil e hoje é realizado com êxito na Colômbia, no México, no Vietnã, em Burkina Faso e na Costa do Marfim.

O modelo adotado pelo Aplique Bem para os treinamentos dos agricultores é inédito no Brasil. O programa conta com cinco laboratórios itinerantes – batizados de tech móveis. Quatro deles percorrem todo o território nacional, enquanto um veículo destina-se exclusivamente ao chamado circuito das frutas do interior do Estado de São Paulo. Os treinamentos são gratuitos.

“Em vez de levarmos os agricultores e funcionários para a sala de aula, levamos a sala de aula até eles. Esse modelo de treinamento não só aumenta a participação dos trabalhadores como permite a prática para melhor fixação do aprendizado. Também não fazemos turmas maiores que 20 pessoas para não comprometer a qualidade do conteúdo”, afirma o doutor em agronomia Hamilton Ramos, pesquisador científico do IAC e coordenador do programa.

“Trata-se de uma prestação de serviços para a agricultura. O Aplique Bem leva conhecimento ao campo para melhor uso da tecnologia e uso racional de defensivos agrícolas, contribuindo para a produção de alimentos seguros e de qualidade, otimizando a produção e diminuindo gastos, além de proporcionar mais segurança para quem aplica e menos impactos ao meio ambiente”, afirma Cláudia Barreto, gerente de stewardship da UPL Brasil.

Benefícios

Os benefícios do programa Aplique Bem vão além da aplicação correta dos defensivos agrícolas, explica Claudia. “Os trabalhadores bem treinados utilizam os equipamentos de proteção (EPIs) de forma correta e fazem as aplicações adequadamente, inclusive com as máquinas de aplicação bem reguladas. Assim, toda a cadeia da produção de alimentos é beneficiada: o agricultor tem economia de defensivos agrícolas, a saúde e o bem-estar dos trabalhadores são preservados, o meio ambiente não é afetado e os consumidores recebem alimentos de qualidade”, acrescenta.

Outro pioneirismo do Aplique Bem é a adoção e validação da norma internacional ISO 16.122 para avaliação da qualidade dos pulverizadores em uso no Brasil. O programa foi o primeiro na adoção desta norma, de 2015.

“Temos muito orgulho de realizar um programa que já treinou mais de 70 mil pessoas no campo. Já são 13 anos desde o lançamento e o Aplique Bem continua cumprindo um papel muito importante e, além de tudo, mais atual do que nunca. Trabalhamos continuamente para que essa iniciativa cresça e se multiplique com a parceria de nossos clientes, inclusive de forma global”, afirma Fábio Torretta, presidente da UPL no Brasil.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura