NOTÍCIAS

BASF oferece solução para o controle da ferrugem polissora no milho

  • 20/12/2016 |
  • Maria Braga

A área plantada de milho deve ter um incremento de até 6% em relação à safra passada, de acordo com a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Com a cultura já implantada, o produtor deve ficar atento para a incidência de uma das principais doenças no milho: a ferrugem polissora.

Elevada umidade relativa do ar, altas temperaturas e um manejo químico incorreto de doenças são alguns dos fatores que podem resultar em uma quebra de mais de 50% no rendimento de uma lavoura de milho. Stael Prata, gerente de Marketing para a Cultura do Milho da BASF, alerta que um controle mal executado provoca a redução da área foliar, do vigor das plantas e do peso dos grãos. “Para obter melhores resultados, a BASF recomenda que o produtor escolha cultivares tolerantes ou até mesmo resistentes a doenças, realize o tratamento das sementes com produtos devidamente registrados para o cultivo e respeite a época mais adequada de plantio”, complementa Stael.

Pensando na necessidade do agricultor, a BASF, empresa química líder em inovação, oferece aos produtores rurais o fungicida Abacus HC. O produto apresenta excelente ação protetiva no controle de doenças devido a sua interferência na germinação dos esporos.

A solução também proporciona efeitos fisiológicos positivos na planta que incrementam a qualidade e o rendimento de grãos na lavoura de milho em até 10%. Esses ganhos de produtividade e qualidade se devem aos efeitos AgCelence, tecnologia da BASF relacionada aos benefícios que a molécula F500 promove nas plantas.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura