NOTÍCIAS

Bayer fecha aquisição da Monsanto

Baumann e Grant comentaram transação

A Bayer anunciou nesta quinta-feira (07/05) que completou com sucesso a aquisição da Monsanto. As ações da empresa norte-americana não serão mais negociadas na Bolsa de Nova York, sendo a Bayer agora a única proprietária da Monsanto Company. Os acionistas da Monsanto estão recebendo 128 dólares americanos por ação. O J.P. Morgan ajudou a Bayer a processar o pagamento do preço de compra pela maior aquisição na história da empresa. De acordo com a aprovação condicional do Departamento de Justiça dos Estados Unidos, a integração da Monsanto na Bayer pode ocorrer assim que os desinvestimentos na BASF forem concluídos. Espera-se que este processo de integração comece em aproximadamente dois meses.

“Hoje é um grande dia: para nossos clientes - agricultores de todo o mundo a quem poderemos ajudar a proteger e melhorar ainda mais suas colheitas; para nossos acionistas, porque essa transação tem o potencial de criar valor significativo; e para os consumidores e a sociedade em geral, porque estaremos ainda mais bem posicionados para ajudar os agricultores do mundo a cultivar alimentos mais saudáveis e acessíveis de maneira sustentável. Como um motor de inovação líder na agricultura, oferecemos aos funcionários em todo o mundo empregos atraentes e oportunidades de desenvolvimento ”, disse Werner Baumann, presidente do Conselho de Administração da Bayer. “Nossas metas de sustentabilidade são tão importantes para nós quanto nossas metas financeiras. Nosso objetivo é viver de acordo com a responsabilidade elevada que uma posição de liderança na agricultura implica e para aprofundar o nosso diálogo com a sociedade. ”

"O fechamento de hoje representa um marco importante para a criação de uma empresa agrícola líder, apoiando os produtores em seus esforços para serem mais produtivos e sustentáveis para o benefício de nosso planeta e consumidores", disse Hugh Grant, presidente e CEO da Monsanto. "Estou orgulhoso do caminho que construímos como Monsanto e esperamos que a companhia combinada ajude a avançar a agricultura moderna."

Liam Condon, membro do Conselho de Administração da Bayer, liderará a Divisão de Ciência de Cultivos combinada quando a integração começar. Até lá, a Monsanto operará de forma independente da Bayer.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura