NOTÍCIAS

Bayer lança fungicidas com tecnologia Iblon

Iblon recebeu o primeiro registro mundial do Ministério das Indústrias Primárias da Nova Zelândia.

A Bayer anunciou nesta terça-feira (10/09), que sua mais solução em fungicidas comercializada sob a marca de tecnologia Iblon recebeu o primeiro registro mundial do Ministério das Indústrias Primárias da Nova Zelândia. A tecnologia Iblon é baseada no ingrediente ativo isoflucypram, um membro de uma nova subclasse da família dos SDHIs de alto valor. Ele oferece controle de doenças, resultando em culturas de aparência saudável, que oferecem rendimentos consistentemente mais altos. O produto estará disponível na Nova Zelândia para a estação de cultivo de cereais 2019/2020.

Outros lançamentos de produtos para fungicidas com tecnologia Iblon são esperados em outros importantes países produtores de cereais, uma vez que a aprovação regulamentar tenha sido concluída. Os produtores de cereais precisam de soluções personalizadas para enfrentar seus desafios diários, como recursos naturais limitados, preços voláteis de commodities e mudanças climáticas. “O mercado mundial de cereais exige maior qualidade e produção de grãos. Além da pressão de riscos climáticos, como a seca, as doenças fúngicas podem causar perdas significativas de produtividade e reduções de qualidade”, disse o chefe global de Gerenciamento de Ativos de Proteção de Culturas da Bayer, Hartmut van Lengerich. "Estamos empolgados com o fato de nossa tecnologia Iblon recém-registrada fornecer aos cultivadores de cereais na Nova Zelândia uma nova e poderosa ferramenta para apoiar de forma sustentável o aumento da produção de cereais".

O isoflucypram tem uma eficácia notável e duradoura contra as principais doenças fúngicas economicamente importantes: os ensaios de campo mostraram eficácia contra as principais doenças foliares, como manchas nas folhas, manchas líquidas, ferrugem amarela e ferrugem marrom. O controle da doença resulta em um período prolongado de retenção de folhas verdes, configurando a colheita para o potencial máximo de produtividade.

"A posição da Bayer como inovadora líder na agricultura nos deu a oportunidade única de oferecer aos cultivadores de cereais na Nova Zelândia o melhor fungicida SDHI do setor", explicou o Gerente de Marketing de Clientes da Bayer Nova Zelândia, Neil Waddingham. “Estamos muito orgulhosos da nossa nova tecnologia Iblon. Os produtos equipados com a tecnologia Iblon proporcionaram um aumento no rendimento em comparação aos padrões da concorrência em testes de campo conduzidos sob condições da Nova Zelândia. Na safra 2018/19, o aumento médio da produção de trigo foi de 0,5 t/ha e de cevada, 0,25 t/ha. Isso capacita nossos clientes a serem mais eficientes e sustentáveis em todos os níveis de seus negócios ”. O isoflucypram oferece aos produtores de cereais proteção duradoura contra a atividade fúngica, permitindo um período prolongado de enchimento de grãos. Espera-se que outros produtos com tecnologia Iblon sejam lançados no futuro, proporcionando aos agricultores da Nova Zelândia ainda mais oportunidades para otimizar sua produção agrícola. A tecnologia Iblon oferece esses benefícios a baixas taxas de aplicação em trigo, cevada, triticale e azevém; mais informações sobre operador e proteção ambiental, doenças controladas e prazos de aplicação estão incluídas no rótulo do produto. Iblon é uma marca comercial do Bayer Group. 

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura