NOTÍCIAS

Centro de Pesquisa em Engenharia abre oito vagas de treinamento técnico

Bolsistas vão integrar a equipe do Centro de Pesquisa em Engenharia Fitossanidade em Cana-de-Açúcar, que desenvolve estudos básicos e aplicados sobre o manejo de pragas em Jaboticabal (SP) e em Ribeirão Preto (SP).

Cinco vagas de treinamento técnico nível três (TT-3), uma de nível dois (TT-2) e duas de nível um (TT-1) estão disponíveis no âmbito do “Centro de Pesquisa em Engenharia Fitossanidade em Cana-de-Açúcar" (CPE-FCA), que conta com apoio da FAPESP e do Grupo São Martinho e tem sede na Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias da Universidade Estadual Paulista (FCAV-Unesp), em Jaboticabal. As inscrições devem ser feitas até 20 de outubro de 2020.

O centro desenvolve estudos básicos e aplicados sobre o manejo de pragas da cana-de-açúcar. Os resultados obtidos e as tecnologias desenvolvidas serão transferidos para o setor. Além disso, o CPE-FCA será responsável por compartilhar o progresso dos estudos com o público e os estudantes de todos os níveis.

Os candidatos às vagas de TT-3 devem ter ensino superior completo e ter cursado, preferencialmente, graduação em engenharia agronômica ou ciências biológicas. Experiência formal em pesquisas, envolvendo atividades de iniciação científica, experimentos de campo e de laboratório, será valorizada.

Uma das vagas de TT-3 é para trabalhar no Instituto Agronômico no Centro de Pesquisa em Cana (IAC), em Ribeirão Preto, e as outras na Unesp de Jaboticabal.

A vaga de TT-2 é destinada a alunos no último ano de graduação em administração. Será valorizada experiência formal com atividades de iniciação científica, preferencialmente nas áreas de inovação e/ou administração financeira. O candidato deve ter conhecimento intermediário para avançado com planilhas eletrônicas, sendo valorizada experiência internacional.

Para as oportunidades de TT-1, os candidatos devem estar cursando graduação em engenharia agronômica, agronomia ou ciências agrárias. Uma das vagas é para trabalhar no IAC, em Ribeirão Preto, e outra na Unesp de Jaboticabal.

A Bolsa TT-1 tem valor de R$ 439,60 mensais e é direcionada a alunos de graduação, sem reprovações em seu histórico escolar e sem vínculo empregatício, com dedicação de 15 horas semanais às atividades de apoio ao projeto de pesquisa, sem que haja prejuízo em seu desempenho acadêmico.

A Bolsa TT-2 tem valor de R$ 878,00 mensais e é voltada para alunos de cursos técnicos de nível médio e superior, sem reprovações em seu histórico escolar e sem vínculo empregatício, para dedicação de 16 a 40 horas semanais (o valor da bolsa a ser paga será proporcional ao número de horas semanais) às atividades de apoio ao projeto de pesquisa.

A Bolsa de TT-3 tem valor de R$ 1.228,40 mensais. É direcionada a graduados do nível superior, sem reprovações no histórico escolar e sem vínculo empregatício. A dedicação deverá ser de 16 a 40 horas semanais às atividades de apoio ao projeto de pesquisa. O tempo de bolsa TT-3 será descontado no caso de o interessado vir a usufruir de Bolsa de Mestrado ou Doutorado Direto.

Mais informações sobre as bolsas de Treinamento Técnico da FAPESP.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura