NOTÍCIAS

Conab reforça importância de sistemas de informações para garantir abastecimento

Qualificar as informações sobre preços dos alimentos e análises de mercado para garantir o abastecimento dos países da América Latina e Caribe. Este será um dos temas abordados na VII Reunião Regional sobre Abastecimento e Comercialização de Alimentos da América Latina e Caribe, realizada a partir desta quarta-feira (12) na Costa Rica. O Brasil integra esta reunião por meio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Como forma de impulsionar a sistematização de dados na região, o diretor de Política Agrícola e Informações da Conab, Guilherme Bastos, mostrará a experiência brasileira na coleta de informações dos produtos hortigranjeiros a partir do funcionamento do Sistema de Informações dos Mercados de Abastecimento do Brasil (Simab). Gerido pela Companhia, a ferramenta permite extrair informações sobre volume, preço e origem das frutas e hortaliças comercializadas nas Ceasas.

Além de ser uma forma de monitoramento dos preços diários, essas informações servem de base para análises econômicas de áreas especializadas do governo federal, contribuindo para a definição das políticas públicas do setor, bem como auxilia na tomada de decisão dos agentes econômicos, além de promover o desenvolvimento da inteligência do setor hortigranjeiro nacional.

Demais dados agrícolas – Além do acompanhamento dos hortigranjeiros, Bastos também apresentará a metodologia de pesquisa adotada no Sistema de Informações Agrícolas e de Abastecimento (Siagro), que permite a pesquisa de preços de mais de 100 produtos agropecuários. Os dados determinam o melhor momento para plantar e o quanto investir, uma vez que podem buscar informações sobre os custos de produção e os valores de comercialização praticados no mercado.

As consultas ao banco de dados do Simab, alimentado pela Conab em parceria com as Centrais de Abastecimento, e do Siagro, com dados apurados pela própria Companhia, estão disponíveis ao público em geral no site da estatal.

O encontro internacional é organizado pela Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) e termina nesta sexta-feira (14). A expectativa é que se construa uma agenda pública que venha a favorecer iniciativas conjuntas de dinamização do abastecimento entre os países da região, gerando o desenvolvimento da agricultura familiar e fluxos de comércio.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura