NOTÍCIAS

Corteva promove projeto educativo itinerante de Boas Práticas Agrícolas

O projeto da companhia “Expedição da Agricultura para a Vida” retoma suas atividades com cronograma até o fim do ano.

A Corteva Agriscience atenta às necessidades dos profissionais do agronegócio e seguindo as autorizações governamentais de liberação das atividades diante da pandemia, retoma o caminhão itinerante “Expedição da Agricultura pela Vida”, principal projeto de Boas Práticas Agrícolas da companhia.  Os cursos são presenciais respeitando e seguindo todas as recomendações estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pelos órgãos públicos de cada Estado. Com protocolos de segurança como aferição da temperatura de todos os participantes na entrada, limitação de pessoas, uso de máscara e distanciamento entre os presentes, tudo para levar conhecimento de qualidade ao agricultor com máxima proteção e cuidado com a saúde de todos.

No início de outubro, o caminhão capacitou profissionais na cidade de Lençóis Paulista/SP, seguiu para a cidade de Linhares no Espírito Santo e depois, em novembro, para Teixeira de Freitas/BA. O projeto educativo itinerante ainda visitará até o final do ano, as cidades de Goiatuba, Vianópolis, Catalão e Formosa, todas no estado de Goiás.

O caminhão tem a programação de ficar dois dias em cada município, o que permite a realização de até quatro treinamentos de 4 horas em cada localidade, ministrados a consultores, agrônomos e técnicos responsáveis pelo cultivo. Para a aplicação dos treinamentos, a Corteva conta com a colaboração de acadêmicos e pesquisadores da divisão agrícola que contribuem em cinco pilares: tecnologia da aplicação, manejo integrado de pragas, segurança do trabalhador, manejo de plantas daninhas e manejo de doenças.

Como é o caminhão itinerante de Boas Práticas Agrícolas

O caminhão tem 7 metros de comprimento e 3,5 de largura, com baú adaptado e dividido em ambientes visualmente atrativos. Cada tema da capacitação conta com apresentações teóricas e práticas interativas, que são realizadas nesses ambientes e por meio de uma tela touch de 75 polegadas onde os participantes testarão seu conhecimento de forma lúdica. Um herbário, um insetário e um sementário complementam o aprendizado facilitando a identificação das pragas invasoras. Além disso, é possível identificar situações que colaboram com a deriva, por meio do Simulador de Deriva também acoplado ao caminhão.

Tecnologia e educação são duas áreas nas quais a empresa investe e tem seus valores atrelados, sempre com o objetivo de capacitar e divulgar as melhores práticas integradas em todo o processo de cultivo e produção. As Boas Práticas Agrícolas são uma das prioridades da “Expedição da Agricultura para a Vida”, que já passou por 12 estados do Brasil e 3 cidades do Paraguai, realizando 200 treinamentos para mais de 3500 pessoas entre os dois países.

 Boas Práticas Agrícolas

Todas as tecnologias da Corteva contam com orientações sobre sua correta utilização, além de passarem por rigorosos testes antes de serem aprovados pelos órgãos regulatórios. A companhia também possui um programa robusto de Boas Práticas Agrícolas que percorre diversos estados do Brasil promovendo treinamentos técnicos para produtores, agrônomos e consultores sobre manejo de plantas daninhas, manejo integrado de pragas, manejo de doenças, tecnologia da aplicação e segurança do trabalhador.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura