NOTÍCIAS

Cuidados na hora de descongelar o sêmen otimiza os resultados da Inseminação Artificial

  • 13/12/2012 |
  • Fonte: Assessoria de Imprensa
Um dos momentos que mais influenciam o índice de sucesso da Inseminação Artificial (IA) é o descongelamento do sêmen. É necessário ficar alerta às boas práticas de inseminação e realizar o processo de forma cautelosa. Todas as orientações abaixo, desenvolvidas pela Alta Genetics, visam minimizar os efeitos negativos do choque térmico – o principal responsável pelos casos de insucesso.

O ambiente de manuseio do sêmen, o botijão e as mãos do profissional que irá realizar a IA devem estar devidamente limpos. O descongelador de sêmen e o botijão devem estar o mais próximo possível, para evitar que a palheta permaneça muito tempo fora da água ou do nitrogênio. O aparelho descongelador é o mais indicado. Quando a água for utilizada para o descongelamento, necessita-se de muita atenção com a temperatura, que deve estar constante entre 35° e 37°.

É indicado o uso da pinça para retirada da palheta de sêmen do rack (local onde as palhetas ficam armazenadas). O contato direto com a mão pode comprometer a qualidade do material. A temperatura do dedo promove o início irregular do descongelamento da palheta a ser utilizada e compromete as outras que permanecerão no botijão. A caneca deve permanecer abaixo do bocal (5 cm) para evitar o parcial descongelamento do sêmen que encontra-se no recipiente. O sêmen que descongela, mesmo que parcialmente, quando retorna ao botijão perde parte ou totalmente a capacidade de emprenhar. Desta forma, nunca deve ser retirada uma palheta de sêmen individual para conferir e depois voltar com ela para dentro do botijão.

O procedimento correto é utilizar a pinça, remover rapidamente a palheta da caneca e colocar em seguida no descongelador ou em recipiente com água na temperatura entre 35° e 37°, durante 30 segundos. No inverno, quando ocorre temperaturas muito baixas, é indicado aquecer o aplicador e pinça com fricção através das mãos ou papel toalha para trazer a temperatura próxima dos 37°.

Após o descongelamento é necessário secar a palheta com papel toalha. É importante ressaltar que a água é espermicida, ou seja, mata os espermatozóides. Em seguida o procedimento é normal basta colocar a palheta na bainha e montar o aplicador. A inseminação deve ser rápida. O sêmen deve ser utilizado em cinco minutos (sexado) ou quinze minutos (convencional).

A Alta Genetics é conhecida em todo o mundo como líder em fertilidade. O sêmen convencional e sexado da Empresa são envasados em palhetas finas. Este tipo de embalagem tem eficiência comprovada por aumentar a fertilidade em comparação com palhetas médias.

A Alta Genetics é uma das maiores empresas de melhoramento genético do mundo, com sede na cidade de Calgary, em Alberta (Canadá). Presente em mais de 100 países, a Alta possui centrais de coleta no Canadá, Estados Unidos, Holanda, China, Argentina e Brasil e é considerada líder mundial na entrega de soluções genéticas lucrativas. No Brasil, sua Central tem capacidade para abrigar 237 touros. Conta com 81 escritórios regionais no Brasil, totalizando mais de 700 profissionais em todo país. Mais informações pelo site www.altagenetics.com.br.
ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura