NOTÍCIAS

Curso traz recomendações para produção orgânica de frutas

Recomendações e especificidades dos sistemas orgânicos serão abordadas na palestra "Cultivo orgânico: sistemas de produção na fruticultura", transmitida pela Embrapa . - Foto: Divulgação Embrapa

Vários são os fatores que têm levado ao crescimento da fruticultura orgânica no Brasil. Segundo o pesquisador da Embrapa Agrobiologia (RJ), Raul Rosa, uma delas é a busca por alimentos mais saudáveis, tendência que tem sido observada em vários países. “Há uma demanda crescente de consumidores que buscam frutas livres de resíduos agroquímicos e produzidas dentro de um sistema em que os consumidores possam contribuir para a geração de renda para os agricultores familiares”, conta o pesquisador.

Os sistemas orgânicos, em geral, possuem maior organização da cadeia produtiva e adotados por agricultores familiares ou empresariais, organizados em associações ou cooperativas, o que facilita a regulamentação de seus sistemas.

Outros aspectos que estão impulsionando esse tipo de cultivo são a criação de políticas públicas que apoiam a adoção de práticas de agricultura conservacionista e estimulam o uso de insumos biológicos e fontes naturais e a própria opção dos produtores rurais por um sistema mais saudável do ponto de vista ambiental e também eles mesmos e suas famílias. “Empresas que trabalham com processamento de frutas para exportação e frutas frescas estão buscando cada vez mais agricultores que praticam esse modelo de agricultura”, afirma Rosa. 

A economia também tem favorecido essa opção. A alta do preço de produtos importados, com preços calculados em dólar, está fortalecendo pequenas cadeias regionalizadas de insumos agrícolas, associadas à produção orgânica. 

A junção de todas essas condições tem levado à maior adesão dos produtores pelos sistemas orgânicos. As recomendações e especificidades dos sistemas orgânicos serão abordadas na palestra Cultivo orgânico: sistemas de produção na fruticultura, que será transmitida na próxima terça-feira (21), às 9h, pelo canal da Embrapa no YouTube, com o pesquisador Raul Rosa. 

O evento faz parte da Capacitação em Fruticultura Tropical, realizada pela Embrapa Cerrados (DF), Emater-DF e Superintendência Federal de Agricultura DF (Mapa), em parceria com Emater-MG, Emater-GO, Senar e da Rota da Fruticultura da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (Ride).  

Outras palestras

A primeira palestra técnica da Capacitação teve o tema Maracujá: cultivares, sistemas de produção e mercado, realizada em 15 de junho pelo pesquisador Fábio Faleiro, da Embrapa Cerrados. A segunda foi Citros: do plantio à colheita, ministrada pelo pesquisador Eduardo Girardi, da Embrapa Mandioca e Fruticultura (BA) em 29 de junho. 

Mercado e a comercialização de frutas frescas e processadas foram apresentados por Ana Maria Costa, pesquisadora da Embrapa Cerrados, foi apresentada no dia 13 de julho. A quarta palestra ocorreu no dia 27 de julho com o pesquisador João Dimas Maia, da Embrapa Uva e Vinho (RS), que falou sobre Uvas de mesa: cultivares, sistemas de produção e mercado

No dia 10 de agosto, foi abordado o tema Uvas para vinho e suco: mercado, agregação de valor e perspectivas pelo pesquisador Giuliano Pereira, da Embrapa Uva e Vinho (RS). No dia 20, o pesquisador Luís Eduardo Corrêa Antunes, da Embrapa Clima Temperado (RS), apresentou conteúdos sobre Frutas vermelhas: sistema de produção de morango, mirtilo e amora-preta

A última palestra o assunto tratado foi Frutas temperadas: sistema de produção em ambiente tropical, com o pesquisador Paulo Lopes, da Embrapa Semiárido (PE). 

Também estão agendadas as seguintes palestras, sempre às 9h:

Serviço 

Palestra: Cultivo orgânico: sistemas de produção na fruticultura 

Quando: 21 de setembro, às 9h 

Onde: Canal da Embrapa no YouTube

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura