NOTÍCIAS

Digital Farming mapeia áreas com probabilidade de florescimento na cana

  • 13/04/2017 |
  • Carlos Nascimento Jr.
A digitalização está ganhando importância e permitindo uma tomada de decisão mais precisa e rápida nas propriedades agrícolas e, o setor canavieiro acaba de ganhar uma nova ferramenta gerada pela equipe de Digital Farming da Bayer, o app Alertas – com informações de previsibilidade de florescimento no canavial.

“Juntamos a tecnologia com a necessidade do campo. Por meio de algoritmos que medem a temperatura ambiente, período de horas de sol, quantidade e distribuição de chuvas e capacidade de água no solo, temos um percentual de favorabilidade para o florescimento na cana”, afirma André Salvador, diretor de Digital Farming.

Florescimento e isoporização geram perdas no canavial. Ambos são fenômenos independentes, porém, com o florescimento a probabilidade de isoporização da cana aumenta, causando desidratação dos tecidos do colmo, redução do peso e prejudicando a extração da sacarose, reduzindo a capacidade de moagem e o rendimento industrial.

De acordo com o gerente de Estratégia de Marketing da Bayer para Cana, Paulo Donadoni, quando o canavial isopora gera canas mais leves e redução do caldo de açúcar. “Com este processo em andamento, as perdas em peso podem chegar a 30% em canas com alto índice de florescimento”, explica.

Para o produtor poder combater a isoporização ele precisa se programar. “Como esta é uma característica genética dos cultivares, existem variedades que possuem mais probabilidade em isoporar do que outras e, o produtor precisa saber disso”, complementa Donadoni, lembrando que alguns cultivares isoporam sem florescer, situação em que fatores como fotoperíodo, temperatura e umidade são decisivos para que ocorra. “Por isso é tão importante realizar o manejo preventivo com aplicação de produto regulador de crescimento no momento certo para inibir o florescimento”, conclui.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura