NOTÍCIAS

Homenagens marcam abertura da Colheita de Maçãs em Lages/SC

  • 12/02/2010 |
O pesquisador da Embrapa Uva e Vinho e coordenador Técnico do Programa Nacional de Prevenção e Controle da Cydia pomonella, Adalécio Kovaleski, foi homenageado na Abertura Oficial da Colheita da Maçã Safra 2009/2010, na sexta-feira (12/02), em Lages/SC.


A Cydia pomonella é a principal praga da macieira no mundo. No Brasil, foram identificados focos da praga em áreas urbanas de cidades produtoras como Vacaria (RS), Lages (SC) e Caxias do Sul (RS). Num esforço para que a praga não chegasse aos pomares comerciais, há 12 anos está em execução o Programa Nacional de Prevenção e Controle da Cydia pomonella,executado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), com coordenação técnica da Embrapa Uva e Vinho e participação de diversas entidades (confira lista abaixo).

Além do pesquisador Adalécio Kovaleski, também foram homenageados Alceu Rodrigues, da Cidasc; Luiz Borges Júnior, Sócio benemérito da Associação Brasileira de Produtores de Maçã (ABPM) e Paulo Antônio Locatelli, da Yakult S/A Indústria e Comércio, pelos incansáveis e essenciais trabalhos realizados à frente do Programa de Erradicação da Cydia pomonella, no Município de Lages.

Segundo a Embrapa, o Programa de Erradicação da Cydia pomonella é o único programa preventivo brasileiro nesta linha que tem obtido excelentes resultados. Segundo o pesquisador Kovaleski, a chegada da praga aos pomares comerciais poderia arruinar a fruticultura brasileira ao atingir as rosáceas, como maçãs, peras, ameixas, nectarinas, pêssegos e marmelos.

O Programa Nacional de Erradicação da Cydia pomonella é coordenado pelo MAPA e conta com a parceria das seguintes instituições: Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA), Associação Brasileira dos Produtores de Maçã (ABPM), Associação Gaúcha dos Produtores de Maçã (Agapomi), Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc), Embrapa Uva e Vinho, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento do Paraná, Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Agronegócio do Rio Grande do Sul, Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico Sustentável de Santa Catarina, Secretaria Municipal de Agricultura de Vacaria, Secretaria Municipal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Caxias do Sul e Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Serviços Públicos de Lages.

O chefe-geral da Embrapa Uva e Vinho, Lucas Garrido, acompanhou a abertura Oficial da Colheita da Maçã Safra 2009/2010, que aconteceu no Auditório da Associação Empresarial de Lages, localizada na Avenida Belizário Ramos 2276, no Centro de Lages.

Resultados do Programa de Erradicação:

* Foram erradicadas e substituídas mais de 90 mil plantas hospedeiras da praga.
* Até o momento, foram aplicados no programa menos de R$ 8 milhões de reais, um valor muito baixo em relação ao enorme benefício que o programa representa diretamente para a fruticultura brasileira e indiretamente para a economia brasileira.
* Em 1997, quando iniciou a erradicação, foram capturados cerca de 22,5 mil insetos em mil em 1080 armadilhas nas áreas urbanas infestadas. Na safra 2007/2008, dez anos após, foram capturados apenas 51 insetos em mais de cinco mil armadilhas e na safra atual apenas 44 insetos foram capturados até agora. Não houve capturas da praga em áreas comerciais de maçã. Ainda continuam as remoções de hospedeiros nas áreas com captura.

Futuro

Mesmo com a praga erradicada, é necessário o constante monitoramento através de armadilhas em áreas urbanas e comerciais. O monitoramento é fundamental para identificar eventuais focos da praga e tomar as medidas necessárias para a erradicação.

Viviane Zanella
Embrapa Uva e Vinho
54-3455-8084 / www.cnpuv.embrapa.br ver mais notícias