NOTÍCIAS

Iniciativa de agricultura digital da Universidade de Purdue promove avanços na lavoura e na produção de alimentos com soluções HPE Aruba

A Aruba, empresa Hewlett Packard Enterprise (NYSE: HPE) e a Faculdade de Agricultura da Universidade de Purdue anunciam que uniram forças para ajudar a desenvolver e fornecer um programa de agricultura digital que vai revolucionar a lavoura e a produção de alimentos para a crescente população global.

Diante da estimativa de atingir cerca de nove bilhões de habitantes até 2050, pesquisadores avaliam que a produção agrícola deve dobrar para atender à crescente demanda. A renomada Faculdade de Agricultura da Universidade Purdue, sede de três vencedores do World Food Prize (Prêmio Mundial da Alimentação), está usando soluções Wi-Fi e HPE Edgeline da Aruba para lançar um programa de agricultura digital que visa o crescimento e a produção de alimentos e combustível de forma mais eficaz.

Desenvolvido na estação de pesquisa de campo Agronomy Center for Research and Education (ACRE), de 1.408 acres na Universidade de Purdue, o projeto de agricultura digital coleta terabytes de dados diariamente usando vários tipos de sensores, câmeras e informações fornecidas por pessoas. Para reunir, agregar, processar e transmiti-los de volta para o supercomputador HPE na Purdue, a universidade está utilizando uma combinação de soluções sem fio para conectividade móvel e Sistemas de Segurança de Acesso Convergente, o HPE Edgeline, para computação. O resultado é uma infraestrutura de TI centrada na agricultura, incluindo avançados sensores e dispositivos de Internet das Coisas (IoT) que permitirão aos pesquisadores da Purdue estudar e melhorar os processos de crescimento das plantas e de produção de alimentos.

"Nosso projeto de agricultura digital é a extensão natural de uma relação estratégica de mais de 5 anos entre a Universidade de Purdue e a HPE", disse Karen Plaut, diretora interina da Faculdade de Agricultura da Universidade de Purdue. "Como parceira estratégica de agricultura digital da Purdue, a Aruba e a HPE fornecem não apenas a infraestrutura essencial, mas também o suporte de TI in loco e parceria em programas de estágio e pesquisa. Juntos, podemos inovar e gerar novas eficiências com impacto significativo na produção mundial de alimentos."

O programa de agricultura digital da Purdue inclui vários projetos de pesquisa que fornecem conectividade remota para os pesquisadores do ACRE em laboratórios em campo que utilizam dispositivos móveis para inserir e enviar informações via Wi-Fi HPE Aruba, primeiro para os sistemas HPE Edgeline localizados na borda, depois para um datacenter HPC, onde a informação coletada é analisada. Situado na região rural do centro-norte de Indiana, o ACRE abriga o Centro de Inovação de Milho e Soja do estado, um polo de fenotipagem de campo automatizado de US$ 15 milhões, com tecnologias de ponta para processamento de plantas e sementes, sensores avançados e gerenciamento de dados. O ACRE emprega mais de 100 estudantes e pesquisadores envolvidos em inúmeros projetos de pesquisa, desde estudos básicos aplicados a agricultura, engenharia, aviação e ciência da computação.

Um benefício importante da infraestrutura da Aruba e HPE é a melhoria da produtividade, levando a resultados de pesquisas mais rápidos e melhores. Permite aplicativos AgTech que substituem muitos processos manuais, aumentando a velocidade e a precisão da pesquisa. Por exemplo, em estudo com sementes, os pesquisadores que usam dispositivos móveis em campo podem transmitir rapidamente informações sobre o crescimento para os laboratórios centrais, que analisam rapidamente o impacto dos níveis da água, as quantidades de fertilizantes e os tipos de solo que estão plantadas. Por sua vez, os laboratórios podem compartilhar sua análise e transferir essas informações de volta ao campo para que façam ajustes rapidamente.

Juntas, a Purdue e a HPE Aruba desenvolveram uma série de inovações da AgTech que estão mudando consideravelmente a velocidade com que os pesquisadores coletam informações e compartilham as práticas recomendadas, melhorando os processos agrícolas e de produção de alimentos:

  • Pontos de acesso Wi-Fi móveis que funcionam com energia solar: Substituindo o processo demorado de registro de dados manual em campo, os pesquisadores agora podem inserir informações, localmente, em um dispositivo móvel e transferi-los imediatamente para o aplicativo de análise no datacenter de Purdue.
  • Moderna torre meteorológica adaptada para conectividade sem fio em escala na fazenda: Uma nova torre meteorológica fornece conexão de alta velocidade em todo o ACRE de 1.408 acres para os sensores conectados às plantas, que fornecem medições precisas sobre o crescimento. Os dados fornecidos por sensores em campo são transferidos para um supercomputador HPE para análise abrangente que já tem resultado em novas perspectivas que não eram possíveis com os processos anteriores de pesquisa manual.
  • Veículo sensor PhenoRover: o PhenoRover é um veículo móvel semiautomatizado que dispõe de uma plataforma de sensores IoT para medir variações no desempenho do cultivo. O PhenoRover passa pelas áreas de pesquisa do ACRE coletando dados em tempo real a partir dos sensores conectados às plantas. Estas informações são então transmitidas pela rede Wi-Fi para os pesquisadores.

Dando continuidade, a Purdue procura comercializar muitas de suas inovações, como o PhenoRover, para uso comercial. Projetos piloto adicionais incluem um programa de sistemas aéreos não tripulados (drones) para promover efetividade da coleta de dados sobre o crescimento das plantas. Hoje, as imagens do drone são baixadas e depois distribuídas internamente para estudar a relevância biológica. No futuro, as câmeras dos drones poderão transmitir imagens em tempo real via infraestrutura HPE Aruba, permitindo que os produtores tomem decisões mais rápidas e melhores para aperfeiçoar a agricultura e a produção de alimentos.

"Com a infraestrutura certa implementada, as possibilidades de inovação são realmente ilimitadas", disse Plaut. "O trabalho que estamos realizando com a Aruba e a HPE como nossas parceiras tecnológicas, está realmente mudando a agricultura, com o objetivo final de encontrar formas melhores e mais econômicas de atender às demandas de produção de alimentos em todo o mundo."

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura