NOTÍCIAS

Isla Sementes faz balanço positivo durante participação na 18ª edição da Expoagro Afubra

Acabou na última semana mais uma edição da Expoagro Afubra, maior feira do Brasil voltada à agroindústria familiar, que aconteceu no Parque de Exposições em Rincão del Rey, Rio Pardo (RS), entre terça-feira (20/3) e quinta (22/3).

A Isla Sementes participa da feira sempre apresentando novidades do setor de hortaliças. Segundo Claudio Nunes, gerente de Desenvolvimento de Produtos da empresa, a cada nova edição é possível notar maior interesse do público participante. “As pessoas estão entendendo cada vez mais a importância de comer melhor. Com isso, buscam materiais que agregam valor, e sejam um diferencial na construção desses novos hábitos”, conta Claudio, complementando que esse maior interesse reflete positivamente nos negócios. 

“As vendas desse ano foram muito boas, aumentaram em 28% se comparado ao ano anterior e um dos itens que mais chamaram atenção foi a linha SUPER SABOR, com destaque para os tomates com formato, cor e sabor diferenciados.

Durante a feira, a Isla apresentou 46 cultivares diferentes de hortaliças que ficaram expostas em diversos sistemas de cultivo: gotejamento, hidroponia e método convencional, incluindo 31 variedades híbridas e 15 Ops. Além disso, uma das novidades apresentadas foram os mini pimentões Kalani, Akamu e Kaiki, tendência na gastronomia e perfeitos para o consumo no nicho de aperitivos saudáveis. Segundo Claudio, um dos fatores de destaque desse ano foi a compreensão do público da produção familiar que está entendendo cada vez mais os benefícios da produção de hortaliças e o impacto do seu cultivo em suas vidas. Os produtores retornam com relatos positivos de suas experiências com as sementes adquiridas nos anos anteriores e querendo comprar mais.

Além das áreas cultivadas para apreciação do público, o stand da ISLA contou também com uma loja física onde os visitantes puderam adquirir a linha completa de sementes. 

“Buscamos mostrar ao produtor de agricultura familiar da região, especializada na cultura de tabaco, como é rica e diversificada a produção de hortaliças e como a mesma pode trazer benefícios para o agricultor e para a sociedade que a envolve. Buscamos trazer um cultivo sem defensivos na exposição, para mostrar como é possível cultivar de diversas formas”, finalizou.

ver mais notícias