NOTÍCIAS

John Deere apresenta portfólio de máquinas e serviços conectados durante a Tecnoshow Comigo

Com soluções para todas as etapas da lavoura, companhia mostra que tecnologia é para todos, do pequeno ao grande produtor

O agronegócio é a principal atividade econômica da região Centro-Oeste do Brasil. É de lá que vem grande parte dos produtos agropecuários que consumimos: arroz, cana-de-açúcar, algodão, soja, milho etc. Para manter essa alta produção, a tecnologia é parte fundamental em todo o ciclo da lavoura.

Por isso, durante a Tecnoshow Comigo deste ano, realizada em Rio Verde (GO), de 8 a 12 de abril, a John Deere, representada pelos concessionários Martins&Sobrinho, Maqnelson, Casa do Pica-Pau, Real Máquinas, Iguaçu, Primavera Máquinas e distribuidor Rota Oeste, mostra que a conexão entre tecnologia, pessoas, máquinas e inteligência é essencial para a maior eficiência, rentabilidade e sustentabilidade da lavoura.

"Os produtores da região Centro-Oeste são alguns dos que mais buscam tecnologia para produzir cada vez mais e melhor, de forma sustentável. Por isso, a John Deere apresenta durante a feira o que há de mais moderno em maquinário e tecnologia, para viabilizar a agricultura do futuro, baseada cada vez mais em informações e decisões assertivas", diz Karen Oliveira, gerente regional de Vendas da John Deere Brasil.

Todas as máquinas expostas no estande da John Deere podem se conectar ao Centro de Operações, plataforma online que integra dados agronômicos e de operação das máquinas, agregando inteligência no suporte às decisões agronômicas, por meio do JDLink. "Com as ferramentas, o agricultor consegue visualizar os mapas gerados e verificar todo o histórico da plantação, desde o preparo de solo até a colheita, além de também tornar possível a análise de mapas de velocidade, taxas aplicadas, produtividade e localização do equipamento, tudo a distância e a qualquer momento", explica Karen.

Em preparo de solo, a John Deere leva à feira os tratores utilitários da Série 5E (5060E, 5078E e 5080E), que possuem menos de 100 cv e são ideais para pequenas propriedades que cultivam grãos, frutas e café. Já para médias e grades propriedades, o visitante poderá ver de perto os tratores 6100E, 6150J, 7230J e 8400R, linhas resistentes e versáteis, desenvolvidas para suportar as demandas de propriedades altamente produtivas. Junto com a plantadeiras DB40 e 2117, que proporcionam um plantio com qualidade e precisão, o agricultor tem acesso à solução completa para esta fase, que é uma das mais importantes para garantir uma boa safra.

A nova linha de pulverizadores M4000 também estará disponível na feira, representada pelo modelo M4030. A máquina conta com o ExactApply, sistema inteligente de controle de pontas que permite maior precisão na aplicação de defensivos e melhor qualidade de cobertura. Entre seus benefícios estão o controle de bordaduras, modificação automática de pontas, sistema de pulsos de alta frequência, compensação de curvas e controle individual de pontas.

Para a colheita, a John Deere leva os modelos S660 e S670 de colheitadeiras, que oferecem inteligência e robustez para esta fase da lavoura. A tecnologia rotor da máquina reduz em até 20% a força necessária para a movimentação do material, o que permite o aumento da velocidade da colheita e economia de combustível. Além disso, os modelos também asseguram a alta qualidade de limpeza dos grãos, baixo índice de quebra e perdas, além de maior produtividade.

Por fim, os visitantes que passarem pelo estande da companhia ainda poderão conferir a pá-carregadeira 524K-II que, além de ser utilizada em construção, pode ser empregada no campo para atuar em movimentações de calcário, adubo etc. Também no espaço da John Deere na feira estarão as carregadeiras frontais 562SL e 563SL, que minimizam os tempos de operação e mantém uma produtividade mais elevada que a carga balde, evitando o desperdício. 

ver mais notícias