NOTÍCIAS

Medidas que aumentam a qualidade do canavial

A Biosev S.A. desenvolve ações que visem aumentar a produtividade e longevidade do canavial de forma sustentável.

A saúde do canavial é de vital importância para as empresas do setor sucroenergético – e pode significar a diferença entre uma safra que traga retornos financeiros ou uma que seja marcada pela baixa produtividade. Por isso, a Biosev S.A. desenvolve ações que visem aumentar a produtividade e longevidade do canavial de forma sustentável.

Com o objetivo de acompanhar as novidades do setor, buscar novas soluções e testar inovações, a Biosev mantém o CTI (Centro de Tecnologia e Inovação) na unidade Santa Elisa, em Sertãozinho (SP), além de outras áreas de campo experimental em suas unidades.

Carlos Daniel Berro Filho, diretor agrícola, comenta sobre as experiências positivas na companhia: “Desde que adotamos um conjunto de técnicas conseguimos elevar a qualidade e produtividade agrícola (ATR e TCH) e manter estes até os cortes mais avançados, chegando hoje, em média, até o oitavo corte da cana, um índice excelente da longevidade dos nossos canaviais.” Para efeito de comparação, em geral, para a produção de etanol e açúcar, a média praticada no mercado é de cinco cortes.

Confira o que a Biosev vem intensificando e implementando para aumentar a produtividade, qualidade e longevidade do canavial:

Capacitação constante

“O primeiro passo parece simples, mas talvez seja o mais importante. Todo o investimento em pesquisa e inovação que a companhia faz não faria sentido se a aplicação fosse realizada de forma incorreta. Aqui na Biosev acreditamos que nossos colaboradores têm um papel fundamental, e por isso investimos em formação técnica, com cursos de atualização, workshops com consultores, e troca de experiências entre as unidades”, conta o diretor agrícola. Segundo Berro Filho, também é muito importante que os profissionais tenham espaço para sugerir novas ideias. Quem está na linha de frente pode enxergar detalhes importantes, ou mesmo apresentar soluções inovadoras para determinado processo.


Variedade para cada região

A Biosev possui oito unidades agroindustriais, distribuídas entre os estados de São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso do Sul. Dessa forma, as condições climáticas e de terreno variam bastante conforme a localização geográfica. Por isso, a Biosev regularmente verifica ensaios de competição e viveiros de materiais promissores, tanto em solos favoráveis como nos restritivos. Atualmente, são utilizadas cerca de 12 variedades diferentes de cana em todas as áreas produtivas da companhia, com outras 30 novas sendo cultivadas em modo experimental.

Plantio adequado

“Se você errar no plantio, perdeu direto sete ciclos de colheita, e um grande investimento”, explica Carlos Daniel. Segundo ele, os tratos culturais são importantes, mas um eventual deslize muitas vezes consegue-se contornar. Já o plantio, a atenção tem que ser redobrada, precisa ser correto desde o início. Após um projeto-piloto muito bem-sucedido, a Biosev implementou dois núcleos de produção de Mudas Pré-Brotadas (MPBs), localizados nas unidades Passa Tempo (em Rio Brilhante, MS), e Lagoa da Prata (no município de mesmo nome, em MG). A tecnologia produz cana com mais qualidade, livres de doenças e pragas, além de reduzir os custos envolvidos no processo de plantio. O modelo MPB também oferece menos falhas, garantindo uma taxa de multiplicação maior se comparada com o sistema tradicional, devido ao alto vigor dos materiais.


Meiosi

O sucesso alcançado com as MPBs também possibilitou que outra técnica fosse utilizada no plantio: o sistema Meiosi (Método Interrotacional Ocorrendo Simultaneamente). Neste caso, as linhas de cana-de-açúcar são intercaladas com soja, amendoim ou crotalária, e sua desdobra ocorre de forma manual. “Desde que o sistema passou a ser implantado na Biosev, conseguimos taxas de multiplicação na casa de 1x8 a 1x10, e consideramos esse o sistema de melhor resultado técnico e econômico atualmente”, comenta o diretor agrícola.

Trato cultural eficiente

Após todo o esforço e investimento empregado no plantio correto e com mudas de qualidade, é necessário um olhar próximo para obter plantas saudáveis e bons índices de crescimento. Para tanto, a Biosev emprega resíduos do processo produtivo no tratos culturais, aplicando torta de filtro, fuligem e vinhaça nas áreas de cana. Essas fontes com matéria-orgânica nutrem o canavial de forma satisfatória e reduzem custos na aquisição de fertilizantes e corretivos. Atualmente, quase 100% dos canaviais da companhia recebem a aplicação de vinhaça localizada, um fertilizante orgânico, sustentável e econômico.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura