NOTÍCIAS

Morgan Sementes apresenta na AgroBrasília novo híbrido de milho para o cerrado

  • 09/05/2016 |
  • Daniel Navarro

A Morgan Sementes e Biotecnologia irá apresentar na AgroBrasília, feira realizada pela Cooperativa Agropecuária da Região do Distrito Federal (Coopa-DF), de 10 a 14 de maio, seu mais novo híbrido de milho indicado para lavouras de alto investimento do cerrado brasileiro. O MG600 se destaca por seu alto potencial produtivo aliado à qualidade de colmo e sanidade de folhas e colmo.

Outra novidade para auxiliar na produtividade do agricultor do cerrado na próxima safra de verão é o MG580, que já foi aprovado comercialmente pelos agricultores na última safrinha, reafirmando os resultados obtidos em ensaios realizados nos últimos anos.

No estande da Morgan os agricultores poderão observar ainda parcelas demonstrativas de três outros híbridos do portfólio da marca. O MG699, indicado tanto para lavouras de alto investimento quanto para áreas de médio-alto investimento, tem se destacado por sua estabilidade devido à tolerância ao stress hídrico e características como sanidade foliar e de grãos. Outro destaque é o 30A37, um dos campeões de vendas nos últimos cinco anos na região.

Já o MG652, híbrido para lavouras de alto investimento, indicado para abertura de plantio tanto no verão quanto na safrinha, será apresentado em diferentes estágios de desenvolvimento. Os agricultores poderão observar parcelas tento com planta em estágio de colheita de grãos quanto mais verdes, com teor de matéria seca em torno de 30 a 35%.

Toda a linha de híbridos de milho da Morgan será apresentada com a tecnologia POWECORE, que está disponível no portfólio completo da marca. POWECORE age por meio de cinco genes estaqueados e proporciona aumento na produtividade das lavouras de acordo com o nível tecnológico da lavoura e das condições climáticas. As equipes da marca estarão presentes na AgroBrasília para apresentar as vantagens da tecnologia e esclarecer sobre as boas práticas de manejo de lavouras que utilizam a POWERCORE.

Com três proteínas BT distintas inseridas, proporciona múltiplos modos de ação que permitem controle de algumas das principais pragas do milho – como a Lagarta-do-cartucho (Spodoptera frugiperda), Broca-do-colmo (Diatraea saccharalis), Lagarta-da-espiga (Helicoverpa zea), Lagarta-elasmo (Elasmopalpus lignosellus), Lagarta-rosca (Agrotis ipsilon) e Lagarta-das-vagens (Spodptera eridania). A tecnologia também oferece tolerância aos herbicidas glufosinato e glifosato, o que permite flexibilização do manejo, otimizando maquinário e mão de obra de pulverização.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura