NOTÍCIAS

​Para economista do IMEA, gargalos do agronegócio começam a ser solucionados no Mato Grosso

Os gargalos logísticos do agronegócio, especialmente do Mato Grosso, começam a ser solucionados, com a conclusão das obras rodoviárias, portuárias e também de armazenamento. Essa foi uma das tendências apontadas pelo superintendente do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA), Daniel Latorraca Ferreira durante palestra no 6º Congresso Brasileiro de Fertilizantes, promovido pela Anda – Associação Nacional para Difusão de Adubos, em São Paulo, nesta segunda-feira (29).

“Um exemplo disso é que a conclusão da BR-163, ligando Sinop a Miritituba, no Pará, está próxima, faltando apenas 105 km. Isso facilitará muito o escoamento da safra do Centro-Oeste. Neste ano, 29% da safra já foi transportada para o chamado Arco Norte”, informou Ferreira.

Além da questão logística, o palestrante também apontou outras tendências da agropecuária: a demanda externa por grãos continuará firme nos próximos cinco anos; a renda rural está em risco, por conta de problemas com seguro e quebras de safra; e surgimento de novos perfis de investidores, com destaque para Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (iLPF).

Ferreira também fez uma projeção sobre a produção de grãos para os próximos cinco anos. No caso do Brasil, a produção deve subir de 212,3 milhões de toneladas na safra 2016/17, para 236 milhões de toneladas na safra 2020/21. No caso da produção no Mato Grosso, a perspectiva é de que a safra de grãos suba das 55 milhões de toneladas de 2016/17, para 68 milhões de toneladas na safra 2020/21.

Já o consultor Ivan Wedekin, que fez a palestra sobre Crédito Rural: Oportunidades, Riscos e Competitividade no Agronegócio, lembrou os avanços do agronegócio brasileiro nas últimas décadas. Se valendo de dados recentes de uma pesquisa feita pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, informou que na comparação da produtividade brasileira com a americana desde 1975, a agricultura registrou um aumento de quase 300% em sua produtividade, enquanto a dos Estados Unidos avançou cerca de 40%. “Isso explica, em parte, o expressivo crescimento dos produtos agrícolas brasileiros no mercado internacional”, afirmou Wedekin.

NUTRIENTES PARA A VIDA – Foi lançado pela Anda durante o Congresso, o Nutrientes Para a Vida (NPV), uma iniciativa mundial cujo objetivo principal é esclarecer e informar a sociedade sobre a importância e os benefícios dos fertilizantes na produção e na qualidade dos alimentos. “O objetivo é contribuir para corrigir informações discrepantes, incompletas e não coerentes que resultam em interpretações equivocadas sobre a exata função dos nutrientes para as plantas”, afirmou George Wagner Bonifácio e Sousa, presidente da Anda.

O NPV é fundamentado em critérios puramente científicos comprovados e estimula e promove a chamada “Gestão 4C dos Nutrientes”, pautada em quatro princípios básicos sobre a correta utilização dos fertilizantes: fonte certa, época certa e local certo, de maneira a assegurar que não haja problemas de desequilíbrio no solo. “Esperamos contar com o engajamento de todos os envolvidos com o agronegócio nesse esforço de levar informação correta sobre os fertilizantes para a sociedade”, destacou Luis Ignácio Prochnow, coordenador do NPV e diretor geral do Programa IPNI – International Plant Nutrition Institute no Brasil, durante o lançamento.

O professor José Luiz Tejon, diretor do Núcleo de Estudos de Agronegócio da ESPM, foi outro participante do painel no qual foi feito o lançamento do NPV e enfatizou a importância da comunicação e do marketing na fixação dos benefícios dos fertilizantes entre o público dos grandes centros urbanos. Para o diretor executivo da Anda, David Roquetti, o enfoque principal do NPV é na educação. “Lembro que nos Estados Unidos, o papel e a importância dos fertilizantes e dos nutrientes para a produção de alimentos é ensinada desde os primeiros anos da educação infantil. Nosso objetivo é educar as nossas futuras gerações nesse sentido”, informou Roquetti.

Durante o evento, a Anda também prestou uma homenagem ao professor, executivo e empresário Wladimir Antônio Puggina, que foi entregue pelo presidente da Anda.

Serviço

6º Congresso Brasileiro de Fertilizantes

Data – 29 de agosto de 2016

Local – Renaissance São Paulo Hotel – Alameda Santos, 2233 – São Paulo

Horário – das 9h00 às 18h30

Mais informações: www.anda.org.br

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura