NOTÍCIAS

Paraná tem chance de produzir mais trigo este ano

O plantio de trigo no Paraná, o maior produtor brasileiro do cereal, deverá cair 6% em 2019 na comparação com o ano passado, para 1,035 milhão de hectares. As informações são do Deral - Departamento de Economia Rural.

O preço do trigo está começando a cair e o custo de produção manteve-se alto, comenta o especialista em trigo do Deral, Carlos Hugo Godinho. 

Apesar da queda na área, o Paraná tem chance de produzir mais neste ano, uma vez que a temporada passada foi atingida por adversidades climáticas. O Deral projeta uma produção de 3,3 milhões de toneladas, aumento de 18% ante 2018, com ganhos de produtividade. Assim, o Paraná colheria cerca de metade da produção de trigo do Brasil. Segundo o especialista, o plantio de trigo deve começar no estado ao final de abril, o que indica que o número atual pode mudar.

Análise da meteorologia 

Como ainda estamos sob atuação de um El Niño ao longo de todo o outono, as ondas de frio não tendem a ser tão frequentes, neste mês de Abril. No geral, serão mais dias agradáveis do que propriamente frios, analisa a meteorologista Graziella Gonçalves.

Isto não quer dizer que na entrada das massas de ar polar a temperatura não caia com força. Porém este frio mais intenso terá curta duração. Por isso, o risco para geadas generalizadas e mais destrutivas será menor.

De acordo com a Climatempo, as primeiras ondas de frio começam em maio, principalmente ao final da primeira quinzena. Outro fator que pode diminuir o risco para geadas mais intensas e generalizadas, é o fato de que a chuva segue acima da média e mais constantes a partir de maio. 

No início do plantio do trigo não teremos tanta chuva nas áreas produtoras. Porém, ao longo do desenvolvimento da cultura é que pode ter um excesso de chuva nos campos. 

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura