NOTÍCIAS

Pesquisa de campo avalia impacto do clima na produtividade de grãos do Distrito Federal

Além do milho 2ª safra e o sorgo, também serão avaliadas as culturas de feijão 2ª e 3ª safra, de girassol e de trigo, principais grãos desenvolvidos na região. - Foto: Wenderson Araujo/CNA

A produtividade do milho e sorgo cultivados no Distrito Federal está no foco da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que destacou uma equipe de técnicos para levantar dados da safra de grãos nas regiões produtoras locais. O grupo iniciou os trabalhos em campo na segunda-feira (21/06) e seguem até sexta (25/06).

Para realizar o levantamento total, nesse período serão avaliadas, além do milho 2ª safra e o sorgo, também as culturas de feijão 2ª e 3ª safra, de girassol e de trigo, principais grãos desenvolvidos na região. 

Quanto ao milho e sorgo, o objetivo é avaliar especialmente se houve ampliação dos efeitos climáticos na redução de produtividade, que até o momento está 50% abaixo do esperado para esta safra.

O roteiro das visitas inclui propriedades nos núcleos rurais do PADF, Rio Preto, Pipiripau, Taquara, Buriti Vermelho, Jardim, Lamarão e São José, dentre outras que serão percorridas pela equipe. Durante a ação serão aplicados questionários aos produtores e também realizados registros fotográficos e mensuração das coordenadas geográficas das áreas de produção.

Na última estimativa da safra 2020/21, divulgada no dia 10 de junho pela Companhia, o Distrito Federal apontava uma produção total de grãos prevista em 785,4 mil toneladas, cerca de 10% a menos que na safra 2019/20, que foi de 872,8 mil toneladas. Os resultados da pesquisa de campo atual, tanto do DF como de todas as regiões produtoras do Brasil, serão divulgados no dia 8 de julho, no 10º Levantamento da Safra de Grãos 2020/2021.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura