NOTÍCIAS

​Projeto 15K entra no segundo ano com resultados surpreendentes

  • 08/05/2017 |
  • Emerson Alves

A produtividade do arroz irrigado no Brasil, nos últimos 30 anos, aumentou de 5,3 mil quilos por hectare para 7,6 mil quilos por hectare. Este incremento se deve à vários fatores, como melhores práticas agrícolas, preparo do solo, época de semeadura, nutrição de plantas, controle de pragas, doenças e, principalmente, ao desenvolvimento de melhores cultivares. A pesquisa para o desenvolvimento de cultivares superiores para o arroz irrigado no Brasil vem assumindo cada vez mais um papel decisivo no resultado da lavoura.

Neste contexto de acirrada competição entre os produtos disponíveis no mercado cujo grandes beneficiados são os produtores, a RiceTec, empresa referência na pesquisa, desenvolvimento, produção e comercialização de sementes de arroz de alta tecnologia nas Américas, lançou o Projeto 15k, uma iniciativa que tem como meta incentivar e orientar o produtor a atingir 15 mil quilos de produtividade por hectare, quase o dobro das últimas médias da safra gaúcha, que ficou em 7,7 mil quilos por hectare, conforme dados do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga). “O projeto 15K é uma proposta de manejo para altas produtividades, baseado na assistência técnica da equipe RiceTec, sementes com alto potencial produtivo e genes de tolerância à doenças e acamamento, além de um manejo ideal para cada situação”, explica o engenheiro agrônomo e responsável pelo projeto, Cyrano Busato.

Lançado diante de um desafiador ano de El Niño, que marcou a safra 2015/2016, o Projeto 15K iniciou com excelentes resultados. Já na primeira fase, alguns produtores atingiram uma produtividade superior a 13 mil quilos por hectare, caso de uma propriedade na região de São Gabriel (RS). O principal produto do Projeto 15k é o Titan CL, de ciclo curto/médio, que além de oferecer grande desempenho produtivo, conta com alta qualidade industrial de grão e maior resistência à brusone, principal doença que ataca a cultura. “O que se observou nestes primeiros anos do projeto é que a escolha de áreas com alta aptidão para a produção de arroz, são essenciais para explorar o máximo potencial produtivo dos produtos da RiceTec. Através de um acompanhamento permanente percebemos que os sistemas de produção onde existem rotação com soja e pecuária permitem a elevação do platô de rendimento de arroz”, afirma Busato.

No ciclo 2016/2017 os resultados atingidos nas lavouras que adotaram o Projeto 15K continuaram surpreendendo positivamente. Segundo números apurados pela RiceTec, algumas áreas atingiram mais de 13,5 mil quilos por hectare. “Alcançamos nesta safra uma produtividade média de 11,4 mil quilos por hectare entre as áreas que participaram do projeto. Também observamos uma frequência maior de áreas com produtividades acima de 12,5 mil quilos por hectare em relação ao ano passado, resultado de um ano climaticamente mais favorável e de uma recomendação de manejo ajustada”, comenta Busato.

Mas quando a tecnologia empregada na semente encontra uma área com grande aptidão produtiva, como é o caso de lavouras em São Gabriel, o resultado é ainda mais surpreendente. Foi o que aconteceu com os irmãos Ernesto, Vilmar e Olavo, da Agropecuária Pedrebon. No primeiro ano em que optaram pelo Projeto 15K da RiceTec, eles cultivaram 11 hectares com híbrido Titan CL. O desempenho da semente foi tão positivo que na safra 2016/2017 os irmãos Pedrebon ampliaram a área de TitanCL na propriedade para 600 ha e o projeto para 35,5 hectares e alcançaram uma produtividade média de 252,7 sacas por hectare. “O resultado foi excelente, além da expressiva produtividade, colhi um arroz de pé forte, que não acamou e grão inteiro, não tenho dúvida que valeu investir um pouco mais na semente”, disse Olavo Predebon. .

Outro cliente da RiceTec que atingiu expressivos resultados já no primeiro ano adotando o Projeto 15k, foi a Granja 4 Irmãos, localizada no município de Rio Grande (RS). Na safra 2016/2017 foram cultivados 2 mil hectares de TitanCL comercialmente e dentro do Projeto 15K 97 hectares com Titan CL, atingindo uma produtividade média de 235 sacas por hectare. O desempenho da semente foi comemorado pelos administradores da propriedade. “Nós cultivamos há anos os híbridos da RiceTec, sempre atingindo ótimas produtividades com muito bom retorno econômico-financeiro. Com lançamento de novos híbridos conseguimos aumentar ainda mais a produtividade média para até 240 sacas por hectare", afirma Jorge Iglesias, engenheiro agrônomo e diretor agrícola da Granja 4 Irmãos.


ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura