NOTÍCIAS

​RiceTec pré-fixa valor da saca de arroz no ato da compra das sementes

  • 11/07/2016 |
  • Emerson Alves

Foto: Divulgação

No agronegócio, a variação dos preços é um dos principais fatores de risco para o produtor. No setor arrozeiro, que ainda não conta com a comercialização no mercado futuro – no qual o produtor pode travar um valor para o momento da venda – a preocupação com a formação dos preços tira o sono dos orizicultores. Por isso, a segurança passou a ser determinante nas relações comerciais do setor.

Atenta ao cenário econômico do país, a RiceTec, multinacional que produz e comercializa sementes de arroz há 12 anos no mercado brasileiro, criou a “Moeda Forte”, uma campanha de vendas que pré fixa o valor da saca de arroz, no momento da compra da semente. A iniciativa tem como lógica o mercado futuro, como explica o diretor de Marketing da RiceTec, Leandro Pasqualli. “O que oferecemos ao produtor é uma segurança quanto à flutuação de preços no mercado”, explica.

O executivo destaca que a “Moeda Forte” utiliza como referência o índice Cepea/Esalq para a formação do preço. “Caso este índice seja menor que o valor que estamos sinalizando, daremos desconto no valor da semente até um limite mínimo acordado com o cliente. No caso de a cotação do cereal subir, o produtor se capitaliza sozinho”, salienta

A campanha Moeda Forte, já lançada na safra anterior, tem interessado tanto aos arrozeiros, que a empresa registrou no mês de junho um volume de vendas 50% superior ao alcançado no mesmo período do ano passado. Pasqualli afirma que a Moeda Forte não tem sido a única responsável pelo aumento das vendas. “A qualidade e, sobretudo, a produtividade que nossos clientes atingiram, também têm sido determinantes para o aumento das vendas”, diz.

Enquanto a produtividade média nas lavouras gaúchas nesta safra foi de 7,04 mil quilos por hectares, conforme dados do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga), as lavouras com sementes da RiceTec atingiram 9,49 mil quilos por hectare, um incremento de 18% em relação à principal cultivar CL do mercado.

A RiceTec é responsável por mais de 95% do mercado de sementes híbridas de arroz e de 9% da área total do Rio Grande do Sul com o produto. A tecnologia empregada nos produtos RiceTec permite o uso da água e insumos de maneira mais eficiente, tornando o processo produtivo mais sustentável e rentável. A multinacional, que projeta investir nos próximos cinco anos US$ 130 milhões, principalmente na Índia e na América do Sul, triplicou a área cultivada no Brasil e atingiu 100 mil hectares no Rio Grande do Sul na safra 2014/2015.


ver mais notícias