NOTÍCIAS

Seminário sobre inovações na Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) reúne especialistas em tecnologias

Começa na quinta-feira, 13 de junho, o Seminário Nordeste – Inovações na Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF), evento promovido pela Embrapa e a Associação Rede ILPF. O seminário ocorrerá em Fortaleza (CE), no Centro de Eventos do Ceará, e tem como objetivo apresentar inovações desenvolvidas pela Embrapa e parceiros para os sistemas de integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF) que possam ser replicadas no bioma Caatinga. A Federação da Agropecuária do Estado do Ceará (FAEC) e o XXIII PECNORDESTE são parceiros.

Nos dias 13 e 14, pesquisadores e especialistas apresentarão os resultados concretos obtidos pelas Unidades de Referência Tecnológica (URTs) de ILPF a um público de técnicos, extensionistas, produtores rurais, empresas, associações, ONGs e órgãos governamentais. No dia 15 de junho (sábado) será realizada uma visita técnica à fazenda Grangeiro, em Paracuru (CE), onde os participantes do seminário conhecerão uma experiência de integração lavoura-pecuária (ILP) que une a produção de coco à criação de bovinos leiteiros. Embora a participação no seminário seja gratuita, o acesso à visita é limitado. 

Segundo o presidente do Conselho Gestor da Rede ILPF e pesquisador da Embrapa Solos, Renato Rodrigues, a disseminação da ILPF no Nordeste ainda é um pouco tímida, embora haja um potencial muito grande. A Bahia é o estado que mais se vale esse sistema de produção em números absolutos, enquanto o Rio Grande do Norte já utiliza a tecnologia em 10% de sua área produtiva.

Rodrigues afirma haver uma expectativa elevada em relação ao seminário. Para ele, a ILPF é uma ferramenta de desenvolvimento para a região: "Queremos fazer um trabalho de políticas públicas e de estímulo ao governo federal para que tenhamos uma ampliação do uso dessa tecnologia no Nordeste. Não vamos chegar com nenhuma receita pronta. Cada região vai precisar se adaptar para que o produtor possa extrair os benefícios que a tecnologia pode oferecer, como a adaptação à mudança do clima, o aumento de renda e da qualidade de vida, bem como a possibilidade de fixação do homem no campo a partir da formação de uma mão de obra mais especializada e capacitada", argumenta.

Para o diretor-executivo da Associação Rede ILPF, William Marchió, a Embrapa dispõe de arranjos produtivos com aptidão para serem empregados no Semiárido e na Caatinga, com excelentes resultados técnicos e econômicos também nestes ambientes mais desafiadores. “A integração é uma tecnologia de produção sustentável, auxiliando na mitigação da emissão de gases de efeito estufa e na adaptação às mudanças climáticas”, afirma.

Agregação de valor à biodiversidade

Pesquisador da Embrapa Agroindústria Tropical e coordenador do seminário, João Pratagil, afirma que a região pode se beneficiar de dois eixos de ação da ILPF: a agregação de valor a produtos como espécies nativas da Caatinga e óleos essenciais, bem como a utilização dos resultados da avaliação de espécies florestais da Embrapa para o pólo moveleiro de Marco, município que sedia as principais empresas madeireiras e moveleiras do Ceará.

Pratagil ressalta ainda o modelo de transferência de tecnologia empregado. A Associação Rede ILPF é uma parceria público-privada formada pela Embrapa, Cocamar, Bradesco, Syngenta, John Deere, Soesp, Cepits e Premix. "Com o fomento à transferência de tecnologia e ao desenvolvimento tecnológico da ILPF para os biomas brasileiros, essas empresas e cooperativas se beneficiam com o crescimento e o dinamismo da economia: o aumento da produção repercute no aumento da demanda de maquinário, implementos agrícolas, insumos, como os fertilizantes e defensivos, e até mesmo na concessão de crédito aos agricultores e pecuaristas".

PECNORDESTE

A realização do seminário sobre ILPF ocorre em paralelo ao XXIII Seminário Nordestino de Pecuária (XXIII PECNORDESTE), que traz como tema este ano "Tecnologia e inovação para uma pecuária competitiva". Historicamente, o evento reúne um público de 30 mil visitantes, dentre pecuaristas, agricultores, técnicos, pesquisadores, estudantes e empreendedores das cadeias produtivas do agronegócio e da agropecuária familiar.

Serviço

Seminário Nordeste – Inovações na Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF)

Data: 13 a 15 de junho de 2019

Local: Centro de Eventos do Ceará - Avenida Washington Soares, 999, Pavilhão Oeste - Sala 5 - Mezanino 2, Edson Queiroz - Fortaleza, C

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura