NOTÍCIAS

Sindag anuncia segunda edição da Academia de Líderes da Aviação Agrícola

  • 25/03/2019 |
  • Curso visa a formação de dirigentes que busquem excelência aliando a visão estratégica de mercado com foco nas relações humanas, sociedade e reputação do setor

O Sindicato das Empresas de Aviação Agrícola (Sindag) abriu inscrições para a segunda edição da Academia de Líderes da Aviação Agrícola Brasileira, que vai ocorrer em junho, em Goiânia/GO. Serão dois dias de imersão (27 e 28) em atividades das 8 às 18 horas, em um roteiro que abrange temas como vivência e autopercepção, liderança e comunicação, além da troca de experiências. O currículo engloba também oportunidades no setor, planejamento e relações com o mercado, discutindo questões éticas e reputação.

O evento será no Comfort Hotel (Avenida Dr. Ismerino Soares de Carvalho, 52) e as inscrições são feitas via internet, clicando AQUI. Outras informações diretamente com o Sindag, pelo fone (51) 3337-5013 ou pelo e-mail sindag@sindag.org.br

O projeto da Academia surgiu no ano passado, para promover um salto de excelência das empresas aeroagrícolas, humanizando as relações internas e externas de cada uma. “Além da alta tecnologia presente nas operações – e que precisam estar sempre atualizadas, os dirigentes necessitam estar atentos a formas modernas de gestão, com foco nos processos humanos e com uma visão estratégica unindo mercado e sociedade”, ressalta Colle.

EXPECTATIVA

O roteiro do curso tem ainda com diversos exercícios simulando situações de conflitos, gestão de pessoal e tomadas de decisões. A primeira edição da Academia de Líderes da Aviação Agrícola foi em abril do ano passado, em Ribeirão Preto/SP, e foi considerada um sucesso pelo Sindag. Por conta disso, as inscrições vão até o dia 30 de abril, mas devem terminar antes, já que são apenas 25 vagas. “A ideia é realizarmos edições em todas as regiões onde haja empresas aeoragrícolas”, assinala Colle.

O Brasil tem a segunda maior frota aeroagrícola do planeta (atrás apenas dos Estados Unidos), com 2.194 aeronaves – segundo dados da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Desse total, 1.461 aeronaves estão divididas entre 253 empresas aeroagrícolas – das quais mais de 60% são filiadas ao Sindag e são o foco da Academia de Líderes.

Outras 709 aeronaves pertencem a 585 produtores que têm seus próprios aviões. Já os 24 aparelhos restantes na conta são de escolas de pilotagem, da Academia da Força Aérea (para rebocar planadores), corpos de bombeiros que os utilizam em combate a incêndios e outras instituições.

APOIO

A Academia de Líderes conta com o patrocínio, pelo segundo ano, da empresa Travicar Tecnologia Agrícola, de Porto Alegre, RS.  Conforme o gerente comercial da Travicar, Juliano Petry, a fornecedora de equipamentos e tecnologias aeroagrícolas entende a importância da visão de mercado proposta pelo curso. “Como uma das empresas mais antigas no setor do País, ao logo dos anos a Travicar também precisou ir além do desenvolvimento de produtos e tecnologias cada vez mais inovadoras.”

A estratégia então foi aprimorar a gestão de pessoas, trabalhando lideranças e formando profissionais e equipes comprometidas com a responsabilidade social e ética, melhorando resultados e fidelizando clientes pelo incremento também na boa reputação. “Ficamos muito empolgados com a possibilidade de multiplicarmos essa filosofia junto ao nosso mercado”, resume Petry, sobre a parceria com o Sindag.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura