NOTÍCIAS

Unidade da AGCO em Ibirubá comemora primeira década

A fábrica de Ibirubá é a melhor planta AGCO dentre as 55 operações de manufatura.

A AGCO Corporation, fabricante e distribuidora mundial de equipamentos agrícolas, comemora 10 anos da unidade de Ibirubá (RS), local onde a multinacional americana adquiriu a fábrica de implementes agrícolas. Os recursos para a compra eram parte do investimento de US$ 150 milhões para as unidades do Brasil. Os equipamentos produzidos na unidade de Ibirubá, que incluem plantadeiras, distribuidores e pás carregadeiras, são exportados para países da América do Sul – Paraguai, Uruguai e Bolívia - e África.

Os investimentos desde 2007 ficam em torno de US$ 25 milhões, dos quais US$ 15 milhões foram aplicados somente em manufatura no período de 2013 a 2017. Estes valores promoveram melhorias na planta de Ibirubá, entre elas a restauração de áreas administrativas, instalação de ambulatório, implementação de área de protótipos de engenharia, entre outras. Mas o destaque foi a implantação do Sistema AGCO de Produção, o qual deu à unidade o reconhecimento de melhor planta AGCO dentre as 55 operações de manufatura.

Para o diretor da AGCO Ibirubá, Rafael Ferraz, “os investimentos permitiram estreitar a relação com clientes e fornecedores em ações como o “Portas Mais Abertas”, em que mais de mil pessoas puderam conhecer a unidade e dar ideias para aprimorar processos e ainda perceber a atenção da empresa para atender suas demandas”. O investimento também teve efeito direto na produção, pois melhorou os dispositivos de solda com a aquisição de novas máquinas de tecnologia avançada com menor consumo, inclusive com a instalação de solda robotizada; a instalação de laboratório de pintura; equipamentos modernos para o laboratório de qualidade e implementação de quality gates e área de inspeção final que garante 100% de conformidade dos produtos com as especificações de projetos. Junto a isto, também ocorreram iniciativas em relação a substituição de equipamentos de baixo rendimento, plano de manutenção preventiva para todas as máquinas e estoque de reposição de peças que garantem estabilidade ao processo de produção e operação.

Atualmente a fabrica conta com 240 funcionários. A produção desde o inicio da aquisição está em torno de 33 mil produtos produzidos. “Além das melhorias na planta, a AGCO causou impacto positivo na região com a geração de empregos, o desenvolvimento técnico- comportamental dos funcionários, convênios com empresas locais e o crescimento do comércio no entorno. A empresa mantém um diálogo constantemente aberto com a comunidade, reflexo do entendimento de que a AGCO é uma parte importante dela”, destaca Rafael Ferraz.

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura