NOTÍCIAS

Valores de milho recuam no RS e no Centro-Oeste, mas seguem subindo em SP

A pressão vem do bom desenvolvimento da safra de verão, que tem sido favorecida pelo clima, e também das exportações em ritmo lento. Foto: Tony Oliveira/CNA Brasil

Os valores do milho voltaram a cair em algumas regiões acompanhadas pelo Cepea, especialmente nas do Centro-Oeste e do Rio Grande do Sul. A pressão vem do bom desenvolvimento da safra de verão, que tem sido favorecida pelo clima, e também das exportações em ritmo lento. Já nas praças consumidoras, como em São Paulo, as cotações seguem avançando, influenciadas pelo recuo de vendedores. Entre 16 e 23 de novembro, o milho (negociação entre empresas) na região de Sorriso (MT) se desvalorizou 1,4%, a R$ 19,19/saca de 60 kg na sexta-feira, 23. 

No Sul, os valores do milho pagos aos produtores caíram 2,3% em Santa Rosa (RS), com o cereal negociado a R$ 31,94/sc na sexta. Já em São Paulo, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (região de Campinas) avançou 1,3%, fechando a R$ 37,30/saca no dia 23. Neste caso, alguns compradores já indicam a necessidade de repor estoques para o fim de ano. A oferta de outros estados, sobretudo do Centro-Oeste, tem sido menor e preocupações quanto ao frete limitam os negócios. www.cepea.esalq.usp.br

ver mais notícias
CADASTRO DE NEWS
  • Receba por e-mail as últimas notícias sobre agricultura